Filosofia / A Educação Infantil Na Europa No século XX E No Brasil

A Educação Infantil Na Europa No século XX E No Brasil

Artigos Científicos: A Educação Infantil Na Europa No século XX E No Brasil
Buscar 155.000+ Trabalhos e Grátis Artigos

Enviado por:  Lucyleia  10 novembro 2013
Tags: 
Palavras: 1348   |   Páginas: 6
Visualizações: 201

FACULDADE ANHANGUERA

PEDAGOGIA

4 MA

ATPS :Organização e Metodologia da Educação Infantil

(Resenha Crítica sobre a Educação Infantil na Europa no século XX e no Brasil)

Nomes: Lilian Paula da Silva dos Reis RA:3708636568

Nomes: Luciléia Costa RA:4250865528

Nomes: Noram Pereira Escaño RA:3729719541

Nomes: Samira de Oliveira Zaghi RA:4471872553

Profª Rosâmgela

Santo André

08 de Outubro de 2013

Introdução:

A educação da criança esteve sob a responsabilidade exclusiva da família durante séculos, porque era no convívio com os adultos e outras crianças que ela participava das tradições e aprendia as normas e regras da sua cultura. Hoje na sociedade contemporânea, a criança tem a oportunidade de frequentar um ambiente de socialização, convivendo e aprendendo sobre sua cultura mediante diferentes interações com seus colegas.

Nesse trabalho, podemos acompanhar os avanços e retrocessos desse nível de ensino no Brasil, pressuponde conhecer, num primeiro momento as marcas

do processo de criação e expansão dessas instituições na Europa , procurando mostrar que tanto as creches como as escolas maternais tiveram preocupação somente com as questões pedagógicas e não somente com o cuidado das crianças.

A Educação Infantil na Europa no século XX

A educação infantil na Europa começou com o estudo científico da criança com vários médicos e sanitaristas.

Decroly defendia um ensino voltado para o intelecto da criança, já Montessori proporcionava o uso de materiais apropriados como recursos educacionais. Montessori criou instrumentos especialmente elaborados para educação motora ligados sobre tudo à tarefa de cuidado pessoal e para a educação dos sentidos e das inteligências. Outro estudioso foi Freinet um dos educadores que renovou as práticas pedagógicas de seu te

mpo.

Na década de 50, observa – se no contexto internacional pós segunda guerra Mundial, nova preocupação com a situação social da infância e a ideia da criança como portadora de direitos, tal destaque aparece expresso na Declaração Universal dos direitos da criança.

A expansão dos serviços de educação infantil na Europa e nos Estado Unidos foi sendo influenciada cada vez mais por teorias que apontavam o valor da estimulação precoce no desenvolvimento a partir do nascimento. A defesa da brincadeira como recurso para o desenvolvimento infantil levou pais de Classes médios a buscar a organização de play groups, para o atendimento de seus filhos pequenos.

Os play groups, eram vistos pelos pesquisadores como contextos importantes para detecção precoce de problemas de saúde física e mental.

Os movimentos feministas do século XX, passaram a reivindicar creches para possibilitar igualdade de oportunidade de trabalho e se posicionavam contra Bowlby que era contra a separação precoce entre ...



Cadastre-se no TrabalhosGratuitos

Cadastre-se no TrabalhosGratuitos - buscar 155.000+ trabalhos e monografias