Trabalho Completo Apostila De Leitura De Componentes

Apostila De Leitura De Componentes

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Tecnologia

Enviado por: Mariana 28 dezembro 2011

Palavras: 6377 | Páginas: 26

...

uncionará! O que faz uma pilha funcionar em uma posição e não funcionar em outra se chama de polaridade e de forma semelhante às pilhas alguns componentes eletrônicos também possuem polaridade. Sendo de suma importância que identifiquemos os componentes que tem polaridade e os coloquemos na posição correta. Como identificar que um componente tem polaridade? Pois bem, são semelhantes ao caso das pilhas, os sinais (+-) mostram claramente que um lado é distinto do outro. Os componentes com polaridade também nos mostram a polaridade mediante sinais do mesmo tipo: ressaltos, tarjas coloridas, cortes ou entalhe. Sempre haverá algum detalhe que diferenciará um lado do outro, e caso os componentes eletrônicos não sejam colocados na placa corretamente acontecerá igual ao rádio com a pilha invertida, eles não funcionaram. Para saber sua posição correta, existe na placa uma identificação a qual nos mostra o modo correto da montagem do componente.

1.5 – Valores /Tolerância – Continuando com o exemplo das pilhas: Existem pilhas de 1,5 volt e de 3 volt, isso denominamos de valor. Assim como, pilhas, alguns componentes possuem valores. O valor do componente é indicado através de números colocados no corpo ou através de tarjas coloridas. Os componentes não apresentam os valores exatos devido às características dos materiais utilizados para a sua fabricação, sendo assim, os componentes possuem umas determinadas precisões e seu valor tem uma determinada faixa de aceitação que se chama tolerância. A tolerância é a variação que o valor indicado no componente pode apresentar para considerar aceitável.

Exemplo: Valor de um resistor de 2,1MΩ ±10% .

O Valor deste resistor irá variar em + 2,31MΩ e – 1,89MΩ.

1.6 – Placas de Circuito Impresso (PCI) – As PCI’s fornecem a estrutura física onde são inseridos os componentes elétricos. Essas estruturas apresentam condutores elétricos representados por filetes, que são chamadas de trilhas. As trilhas fazem a conexão elétrica dos componentes dispostos nas PCI, portanto, no caso da placa, as conexões são feitas vias trilhas ao invés de conexões via fios ou cabos. As PCI’s também possuem as ilhas, furos metalizados, nos quais são feitas as ligações elétricas e mecânicas dos terminais dos componentes aos filetes da placa. Neste caso, o componente é soldado na placa através da ilha ou furo metalizado, a este tipo de montagem dá-se o nome de técnica PTH. montagem através de furos, e na placa há também desenhos orientando a montagem correta ou ate mesmo o posicionamento da conexão dos componentes, de forma a obter o funcionamento normal dos mesmo e do circuito.

Com o surgimento da técnica de SMT (montagem em superfície), os componentes eletrônicos e as ilhas de cobre estão na mesma face da placa não havendo necessidade de furos, os terminais são soldados diretamente sobre as terminações das trilhas.

1.7 – Componentes PTH – São componentes montados através de furos existentes na PCI. Os componentes PTH possuem a limitações de não serem montados em ambos os lados das placas, na mesma posição. Existem dois tipos de componentes PTH.

1.7.1 – Componentes Axiais - Esses componentes possuem terminais dos dois lados do corpo, como se fossem braços.

1.7.2 – Componentes Radiais - Esses componentes possuem terminais do mesmo lado do corpo, como se fossem pernas.

Obs.: Componentes PTH precisam ser pré-formados (ter os terminais cortados, alinhados e dobrados) antes de serem inseridos na PCI.

2. Resistores

Os resistores apresentam dois tipos de dispositivos: SMD e PTH. No caso dos resistores PTH seu valor será obtidos através de cores dispostas no seu corpo e os resistores SMD através de numero impresso no seu corpo.

E seu valor é medido através Ω(Ohm).

Para o resistor PTH há dois tipos comuns: O resistor de Carbono (que há 04(quatro) cores no seu corpo) e o resistor de Metal Filme (que há 05(cinco) cores no seu corpo), e para chegarmos reconhecermos o seu valor deveremos aprender a Tabela de cores e tolerância:

|TABELA DE CORE E TOLERÂNCIA |

|CORES |VALOR |TOLERÂNCIA |COR | |

|PRETO |0 |± 5% |OURO |RESISTOR DE CARBONO |

|MARROM |1 |± 10% |PRATA | |

|VERMELHO |2 |± 20% |SEM COR | |

|LARANJA |3 | |

|AMARELO |4 |± 1% |MARROM |RESISTOR DE METAL |

| | | | |FILME |

|VERDE |5 |± 2% |VERMELHO | |

|AZUL |6 |± 0,5% |VERDE | |

|VIOLETA |7 |± 0,25% |AZUL | |

|CINZA |8 |± 0,1% |VIOLETA | |

|BRANCO |9 | |

|UNIDADE DE MEDIDA PARA RESISTORES |

|Ω- Ohm |TABELA PARA TRANSFORMAR DE UND PARA UND |

|kΩ- Kilo Ohm |mΩ |k Ω |Ω |

|mΩ- Mega Ohm |3 2 1 |3 2 1 |3 2 1 |

Obs.: Em cada unidade de medida (Ω, kΩ e mΩ) podemos preencher com apenas 3(três) números.

2.1 Resistores de Carbono (4 cores)

1ª Cor = número significativo

2ª Cor = número significativo

3ª Cor = número de zero

4ª Cor = Tolerância

Para chegarmos ao valor do resistor deveremos primeiro reconhecer a cor referente à Tolerância, para em seguida, anotarmos a seqüência das cores: 1ª a 4ª cor.

Exemplo: 1) Amarelo, vermelho, laranja, ouro

4 2 3 ±5%

Após colocarmos os valores correspondentes a cada cor, utilizaremos a Tabela das unidades de medidas, e iniciaremos pela numeração correspondente ao numero de zero.

|mΩ |k Ω |Ω |

| |4 2 | 0 0 0 |

Para este exemplo o valor do resistor é 42 k Ω ±5%.

Exemplo: 2) Violeta, Azul, Marrom, Prata

Exemplo 3) Laranja, Azul, Verde, Sem Cor

2.1.1 Regras para o Preto, Ouro e Prata na 3ª COR (numero de zero)

2.1.1.1 Preto na 3ª Cor – Quando o preto vier na casa referente ao numero de zero, cancela-se a 3ª Cor e coloca-se o símbolo Ω, e os valores obtidos na 1ª e 2ª Cor, será o valor do resistor: Não precisa utilizar a tabela.

Exemplo: 1) Verde, Amarelo, Preto, Ouro

5 4 Ω ±5%

Neste caso o valor do resistor será de 54 Ω ±5%.

Exemplo: 2) Laranja, Cinza, Preto, Prata

Exemplo: 3) Amarelo, Violeta, Preto, Sem cor

2.1.1.2 Ouro na 3ª Cor – Quando o ouro vier na casa referente ao numero de zero, cancela-se a 3º Cor, e coloca-se o símbolo Ω, e os valores obtidos na 1ª e 2ª Cor deveram ser multiplicados por 0,1. Não precisa utilizar a tabela.

Exemplo: 1) Verde, Amarelo, Ouro, Ouro

5 4 (x 0,1)Ω ±5%

Neste caso o valor do resistor será de 5,4 Ω ±5%.

Exemplo: 2) Vermelho, Vermelho, Ouro, Prata

Exemplo: 3) Marrom, Violeta, Ouro, Sem cor

2.1.1.3 Prata na 3ª Cor – Quando a prata vier na casa referente ao numero de zero, cancela-se a 3º Cor, e coloca-se o símbolo Ω, e os valores obtidos na 1ª e 2ª Cor deveram ser multiplicados por 0,01. Não precisa utilizar a tabela.

Exemplo: 1) Verde, Amarelo, Prata, Ouro

5 4 (x 0,01)Ω ±5%

Neste caso o valor do resistor será de 0,54 Ω ±5%.

Exemplo: 2) Laranja, Laranja, Prata, Prata

Exemplo: 3) Amarelo, Violeta, Prata, Sem cor

2.2 Resistores de Metal Filme (5 cores)

1ª Cor = número significativo

2ª Cor = número significativo

3ª Cor = número significativo

4ª Cor = número de zero

5ª Cor = Tolerância

Para chegarmos ao valor do resistor deveremos primeiro reconhecer a cor referente à Tolerância, para em seguida, anotarmos a seqüência das cores: 1ª a 5ª cor.

Exemplo: 1) Amarelo, Vermelho, Marrom, Vermelho, Marrom

4 2 1 2 ±1%

Após colocarmos os valores correspondentes a cada cor, utilizaremos a Tabela das unidades de medidas, e iniciaremos pela numeração correspondente ao numero de zero.

|mΩ |k Ω |Ω |

| |4 2 | 1 0 0 |

Para este exemplo o valor do resistor é 42,1 k Ω ±1% ou 42k1 Ω ±1%.

Exemplo: 2) Violeta, Azul, Marrom, Verde, Vermelho

Exemplo: 3) Violeta, Verde, Amarelo, Azul, Verde

2.2.1 Regras para o Preto, Ouro e Prata na 4ª COR (numero de zero)

2.2.1.1 Preto na 4ª Cor – Quando o preto vier na casa referente ao numero de zero, cancela-se a 4ª Cor e coloca-se o símbolo Ω, e os valores obtidos na 1ª, 2ª e 3ª Cor, será o valor do resistor: Não precisa utilizar a tabela.

Exemplo: 1) Verde, Amarelo, Laranja, Preto, Marrom

5 4 3 Ω ±1%

Neste caso o valor do resistor será de 543 Ω ±5%

Exemplo: 2) Vermelho, Vermelho, Preto, Preto, Azul

Exemplo: 3) Marrom, Verde, Verde, Preto, Violeta

2.2.1.2 Ouro na 4ª Cor – Quando o Ouro vier na casa referente ao numero de zero, cancela-se a 4ª Cor e coloca-se o símbolo Ω, e os valores obtidos na 1ª, 2ª e 3ª Cores deveram ser multiplicadas por 0,1: Não precisa utilizar a tabela.

Exemplo: 1) Marrom, Verde, Preto, Ouro, Marrom

1 5 0(x0,1) Ω ±1%

Neste caso o valor do resistor será de 15 Ω ±1%.

Exemplo: 2) Amarelo, Violeta, Preto, Ouro, Azul

Exemplo: 3) Marrom, Verde, Verde, Ouro, Violeta

2.2.1.3 Prata na 4ª Cor – Quando a Prata vier na casa referente ao numero de zero, cancela-se a 4ª Cor e coloca-se o símbolo Ω, e os valores obtidos na 1ª, 2ª e 3ª Cores deveram ser multiplicadas por 0,01: Não precisa utilizar a tabela.

Exemplo: 1) Violeta, Amarelo, Preto, Prata, Marrom

7 4 0(x0,01) Ω ±1%

Neste caso o valor do resistor será de 7,4 Ω ±1%.

Exemplo: 2) Preto, Amarelo, Violeta, Prata, Azul

Exemplo: 3) Vermelho, Vermelho, Preto, Prata, Violeta

2.3 Resistores de SMD – No resistor de SMD aparecerão números impressos em seu corpo, porém, deveremos saber que a quantidade de números no seu corpo está relacionada à tolerância do componente:

- Resistores com 3(três) números - ±5%

- Resistores com 4(quatro) números - ±1%

Obs.: Neste tipo de resistor o ultimo numero é relacionado ao numero de zero, e os demais serão números significativos.

Exemplo: 473 = ± 5%

|mΩ |k Ω |Ω |

| |4 7 | 0 0 0 |

Para este exemplo o Resistor é de 47kΩ ± 5%

Exemplo: 3246 = ± 1%

|mΩ |k Ω |Ω |

|3 2 4 |0 0 0 | 0 0 0 |

Para este exemplo o Resistor é de 324mΩ ± 1%

Exemplos

- 104

- 100

- 6842

- 103

- 3000

3. Capacitores – Assim como o resistor o capacitor apresenta dois tipos de dispositivos: SMD e PTH – os seus valores são apresentados em Farad(F). No capacitor SMD, em alguns casos (há numeração apenas nos capacitores SMD tântalos), poderemos chegar ao seu valor através de números no seu corpo, nos outros tipos saberemos o valor apenas através da etiqueta de identificação impressa na embalagem do material, ou em outra ocasião, através de um aparelho chamado capacímetro (que mede a capacitância de determinados capacitores).

Nos Capacitores PTH – Há dois tipos de reconhecer o seu valor.

1) Nos capacitores eletrolíticos, no seu corpo há o valor impresso.

2) Nos capacitores cerâmicos, tântalos e poliéster há uma numeração de 3(três) dígitos, que utilizaremos para chegar ao seu valor, o ultimo numero é referente ao numero de zero, e os demais, números significativos, em alguns casos haverá uma letra referente à tolerância:

|UNIDADE DE MEDIDA PARA CAPACITORES |

|pF – Pico Farad |TABELA PARA TRANSFORMAR DE UND PARA UND |

|nF - Nano Farad |uF |nF |pF |

|uF - Micro Farad |3 2 1 |3 2 1 |3 2 1 |

|TABELA DE TOLERÂNCIA |

|F |±1% |

|G |±2% |

|J |±5% |

|K |±10% |

|M |±20% |

|N |±30% |

|V |+20-10% |

|X |+40-20% |

|S |-20+50% |

|Z |-20+80% |

|P |-0+100% |

Assim, como no resistor de SMD, quando nos depararmos com a numeração no corpo do capacitor utilizar a mesma técnica para chegarmos ao seu valo, porém, deveremos utilizar a tabela de unidades do capacitor, começando sempre pelo o numero de zero:

Exemplo: 104 J

|uF |nF |pF |

| |1 0 0 |0 0 0 |

Para este capacitor o valor é 100nF ± 5%

Valores em pF (pico Farad) são muitas das vezes utilizadas nos capacitores cerâmicos; os valores em nF (Nano Farad) nos capacitores de Poliéster; e os uF (Micro Farad) utilizados nos capacitores Eletrolíticos e Tântalos.

Nos capacitores é muito comum o seu valor aparecer transformado de uma unidade para outra.

Exemplo: 104

|uF |nF |pF |

| |1 0 0 |0 0 0 |

No primeiro momento o valor deste capacitor será 100nf, porém, este valor também poderá aparecer em sua descrição na ficha de embalagem em pF, neste caso, o fabricante estará considerando da seguinte forma.

|uF |nF |pF |

| |1 0 0 |0 0 0 |

Portanto o componente terá o valor 10000pF, de outra forma, o fabricante poderá também utilizar o valor em uF, deveremos saber que cada divisão de unidade é como se tivéssemos (,), para termos o valor em uF essa (,), deverá encontrar-se na unidade utilizada para identificar o capacitor.

|uF |nF |pF |

| 0 |1 0 0 |0 0 0 |

Neste caso o mesmo capacitor que tinha a numeração 104, e obtivemos os valores 100nF e 100000pF, terá também o valor 0,1uF.

3) EXERCÍCIO DE RESISTOR

1º Dê os valores para os seguintes resistores:

A) azul. Branco, preto, sem cor

B) Verde, violeta, ouro, prata

C) Vermelho, azul, prata, sem cor

D) Amarelo, violeta, amarelo, ouro

E) Marrom, cinza, azul, vermelho, marrom

F) Laranja, verde, verde, azul, vermelho

G) Cinza, preto, marrom, marrom, marrom

H) Verde, preto, verde, preto, vermelho

I) Vermelho, vermelho, vermelho, ouro

J) Azul, violeta, preto, prata

K) Marrom, branco, amarelo, marrom, marrom

L) Cinza, laranja, vermelho, azul, vermelho

M) Branco, vermelho, verde, amarelo, marrom

N) Marrom, violeta, ouro, ouro

O) Laranja, amarelo, prata, ouro

P) Verde, violeta, preto, laranja, vermelho

Q) Azul, marrom, vermelho, vermelho, vermelho

R) Marrom, preto, amarelo, prata

S) Laranja, verde, violeta, azul, marrom

T) Marrom, cinza, verde, ouro

U) Amarelo, violeta, ouro, prata

2º Dê os valores dos resistores de smd incluindo a tolerância:

A) 340

B)1000

C) 356

D) 2153

E)155

F) 8562

G) 244

H) 1254

3º Indique as letras e as cores das tolerâncias a seguir

A) +-20%

B) +-10%

C) +-5%

D) +-2%

E) +-1%

4º Faça a convenção dos seguintes capacitores:

A) 0,01 uf / pf

B) 100 nf / pf

C) 0,22 uf / nf

D) 10 nf / uf

E) 47 pf / uf

5º Transforme os valores dos seguintes capacitores:

A) 104

B) 103

C) 101

D) 102

6º O que significam as seguintes iniciais

UF

PF

NF

1 Ω