Trabalho Completo Comportamento Organizacional

Comportamento Organizacional

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Ciências Sociais

Enviado por: Paulo 21 novembro 2011

Palavras: 1852 | Páginas: 8

...

portamento individual, motivação, stress e seu controle, aprendizagem.

Sociologia (Nível grupal de análise) = Formação do grupo, operação do grupo ou da equipe.

Antropologia (Nível cultural de análise) = cultura, valores, atitudes e comportamentos fundamentais.

Ciência Política (Nível organizacional de análise) = Liderança, conflito, poder e política e processo decisório.

DESENVOLVIMENTO:

Comparativo entre 2 autores:

Embora os aspectos técnicos da administração sejam, evidentemente, de grande importância para o bom funcionamento de uma organização, a compreensão do processo administrativo, ou de como o trabalho de um administrador, também é um elemento crítico do ensino de administração.

Sob este prisma da administração como processo, é mais freqüente se dar atenção aos papéis, comportamentos e habilidades necessárias para um desempenho gerencial eficaz. Algumas dessas habilidades comportamentais são a comunicação com pares, subordinados e chefes; a obtenção de recursos a grupos diversos, e a solução de conflitos dentro de grupos ou entre eles. Essa compreensão dos processos administrativos, freqüentemente chama de Comportamento Organizacional, amplia assim a formação dos administradores, levando-os ao estudo de pessoas, grupos e suas interações nas estruturas organizacionais. Fonte: Elementos do Comportamento Organizacional – ANTHONY F. BUONO.

Comportamento Organizacional é um campo de estudos que investiga o impacto que indivíduos, grupos e a estrutura têm sobre o comportamento dentro das organizações, com o propósito de utilizar esse conhecimento para promover a melhoria da eficácia organizacional. Fonte Comportamento Organizacional – STEPHEN P. ROBBINS.

Conclusão: Na verdade as teorias são praticamente iguais e evidenciam a importância do estudo do Comportamento organizacional para o desenvolvimento do indivíduo, do grupo e da organização de uma forma geral. Ambos enfatizam a necessidade de um maior conhecimento do indivíduo e de suas habilidades, convivência (profissional)em grupo e a disposição para se resolver problemas e buscar soluções para uma melhor eficácia no produto final.

Quadro comparativo de sistemas, aberto e fechado em Comportamento Organizacional

Principais conceitos sobre a teoria geral dos sistemas:

O sistema pode ser definido como um conjunto de objetos ou entidades que se inter-relacionam mutuamente para formar um todo único

-------------------------------------------------

Sistemas abertos / Sistemas fechados

É aquele que troca matéria e energia com o seu / É aquele que não realiza inter-meio externo. / câmbio com o seu meio.

Reflexões sobre a entrevista c/ Mario Persona

O Lider na gestão de mudanças:

Na visão dele (Mario Persona) a mudança é uma característica da natureza como um todo, tanto da realidade que nos cerca como de nós mesmos. Tudo está em constante mudança e é de nossa índole natural mudar, buscar coisas novas, explorar novos mundos, ele cita exemplos como: a descoberta do Brasil, a ida do homem a Lua e até a ousadia de colocar rúcula numa pizza, essa eterna busca pelo novo.

Ele coloca também que a mudança tem de obedecer critérios, é preciso identificar a mudança e sua real necessidade, e não simplesmente mudar, atropelar, a mudança não pode surgir do nada. É necessário avaliar a atuação da empresa, sua equipe produtos e principalmente sua liderança. Existem 2 tipos de lideres os que gostam de correr riscos e fazem as coisas acontecer e os mais acomodados que preferem trabalhar com alto grau de previsibilidade. Portanto é importante que a mudança aconteça cima para baixo, ou que pelo menos seja apoiada pelos lideres.

A função do líder é criar o sentimento da necessidade de mudança, o líder tem de manter um excelente relacionamento com as pessoas envolvidas, delegando e servindo de exemplo neste processo. Líderes talentosos conseguem fazer isso, líderes que só mandam ou esperam que os outros mudem não serão bem sucedidos nesta área.

A mudança deve ser planejada, com começo, meio e fim, e cabe ao líder cadenciar e estabilizar este processo. É preciso que a mudança seja aceita para que possa haver uma continuidade nos novos comportamentos. Isto também envolve uma capacidade de recompensa, já que ninguém vai se empenhar se não tiver uma vantagem nisso.

É importante que a empresa tenha lideranças cautelosas, bem como pessoas ousadas, assim achará um equilíbrio interno, pois o excesso de um ou de outro sentimento, acarretará problemas p/ a realização das necessárias mudanças.

A principal mudança detectada hoje no ambiente organizacional esta relacionada ao modo como trabalhamos o que é considerado hoje de maior valor p/ o indivíduo e para a empresa, além daquelas que são resultados do comportamento das pessoas e da sociedade como um todo.

A medida que a tecnologia, a globalização, a diversidade causada pelos movimentos migratórios (facilidade nos transportes) e finalmente a rotatividade nas funções, são fatores de terminantes e exigem que as empresas que querem estar ativas no mercado, mudem, até como uma forma de reter os melhores e mais inovadores talentos. Caso não se atente a estas situações ela seguramente ficará estagnada.

Inovação e as organizações/o indivíduo/personalidade e motivação:

Enquete = O que você entende por inovação?

Resposta (1) = Sra. Lúcia – Inovação para mim significa mudanças, atualização, porem de ser feita com muito cuidado, pois a empresa já tem um histórico e isto pode influenciar o bom desempenho já consolidado.

Resposta (2) = Renato (jovem) - Inovar é algo importantíssimo no ambiente de trabalho, é impossível nos dias de hoje, com tanta tecnologia, velocidade nas informações, mudanças de comportamento, que a empresa fique com seus conceitos formulados a décadas, num ambiente assim fica difícil e neste momento estou passando por isto.

O efeito da inovação p/ as organizações:

O que vem de fato a distinguir as organizações inovadoras das tradicionais é o maior grau de compreensão e aceitação de seu relacionamento com o ambiente, com a conseqüente assunção do seu papel de sistema aberto. A eficiência organizacional, a inovação, o processamento interno, a racionalidade administrativa, recebem maior ênfase, em detrimento da eficácia organizacional, ou seja, da capacidade de produzir resultados e da efetividade da produção de resultados socialmente relevantes. Outro efeito da inovação e que estamos presenciando o surgimento de um novo sistema organizacional que desafia a burocracia, e que “Alvin Tofler”, com muita propriedade chamou de ad-bocracia . É o tipo de estruturação organizacional que corresponde à nova dinâmica ambiental e aos novos valores buscados pelo homem do início do novo milênio.

Teorias de personalidade – características: Teoria dos Traços Ela parte do princípio de que para entender os indivíduos é preciso que literalmente “segmentemos”os padrões de comportamento em uma série de traços observáveis. |

Abordagem IntegrativaA abordagem integrativa inteligentemente faz é focar, simultaneamente, na pessoa como um todo e nas variáveis situacionais, e a essa combinação atribuir as causas do comportamento do indivíduo. |

Teoria HumanistaTal teoria tem seu foco no crescimento e aprimoramento do indivíduo, uma visão da personalidade centrada em um núcleo dinâmico – o Self -, que tende necessariamente tornar-se melhor, uma vez dadas as condições apropriadas para que tal se efetue. |

|

Teoria PsicodinâmicaEsta é inteiramente baseada no trabalho do mestre criador da Psicanálise, Sigmund Freud. Esta teoria enfatiza especialmente o inconsciente humano como determinante do comportamento. |

|

Processos motivacionais - Teorias:

Abordagem clássica: (Frederick W. Taylor) = Pagar mais a quem produz mais.

Teoria das necessidades humanas: (Abraham Maslow) = O homem é motivado por necessidades organizadas numa hierarquia de relativa prepotência, ele precisa satisfazer as necessidades básicas para depois buscar o crescimento profissional.

Teoria dos dois fatores: (Frederick Herzberg) = Os fatores que influem na produção de satisfação profissional eram desligados e distintos dos fatores que levavam à insatisfação profissional. Assim o oposto de satisfação profissional não seria a insatisfação, mas sim nenhuma satisfação profissional; e da mesma maneira, o oposto de insatisfação profissional seria nenhuma insatisfação profissional e não a satisfação.

Motivação humana: (Douglas McGregor) = Ele enunciou dois conjuntos de proposições, teoria X e teoria Y ex.:

Teoria X = o ser humano médioe, por natureza, avesso ao trabalho e o evitará sempre que puder.

Teoria Y = é fundamentada na integração, as pessoas não são por natureza, passivas nem resistem a necessidades organizacionais.

Considerações finais:

Comportamento organizacional é um maravilhoso estudo do ser humano e sua relação no contexto empresarial, é realmente fascinante observar suas teorias e como o desenvolvimento de C.O. é fundamental p/ equilibrarmos esta complexa relação.

Por todas estas passagens que observamos podemos ter a certeza de que o estudo e a constante evolução fazem parte de nossas vidas e que as empresas e pessoas que ficam paradas no tempo realmente serão superadas.

Obrigado.

FIM