Trabalho Completo As Interações Sociais, a Estrutura Social e Os Grupos Sociais

As Interações Sociais, a Estrutura Social e Os Grupos Sociais

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Ciências Sociais

Enviado por: Gabriel 22 dezembro 2011

Palavras: 1313 | Páginas: 6

...

comportamento de outros grupos ou pessoas. O poder se manifesta por meio de pelo menos três componentes: a força, a autoridade e a influência. Neste contexto, há a dominação como um dos mais importantes processos sociais básicos.

Por outro lado, configura-se ainda a elite como sendo uma minoria que existe em todas as sociedades e que, por várias formas, é detentora de autoridade ou poder, em contraposição à privação de uma maioria. Desta forma, as elites são compostas exclusivamente por pessoas ou grupos que ocupam posições de poder.

A cada conjunto de interações sociais vão se formando as estruturas sociais. A estrutura social, deste modo, refere-se aos padrões relativamente estáveis e duradouros em que estão organizadas as relações sociais e que formam a estrutura básica da sociedade.

Qualquer estrutura social tem como elementos básicos os status, os papéis sociais, os grupos sociais e as instituições sociais. A estrutura social afeta o comportamento do indivíduo e do grupo, na medida em que estabelece regras e impõe limites ao desempenho de cada um. Ela representa o elemento estático da organização social, por envolver as relações padronizadas entre indivíduos e grupos. Já a organização social representa o elemento dinâmico do processo social, e consiste no sistema de relações sociais existentes em uma sociedade, seja entre indivíduos, entre indivíduos e grupos sociais, e entre os grupos.

O ser humano nasce em um grupo social e, ao longo de sua vida, interage com inúmeros grupos sociais. O primeiro grupo social com quem se tem contato é a família e depois delas outros passam a fazer parte da vida do indivíduo, transformando-o, cada vez mais, em um ser social.

O estudo dos grupos sociais é um dos principais campos da Sociologia. Neste caso, conceitua-se o grupo social como um conjunto de pessoas em interação, que compartilham uma consciência de membros, ou seja, é um conjunto de pessoas que compartilham algumas características semelhantes. Entre os grupos sociais, há grupos pessoais e externos, grupos primários e secundários e os conceitos de comunidade e sociedade. O fato de pertencer a um grupo social é um dos elementos definidores da constituição do indivíduo como ser social. Portanto, as relações dentro de um mesmo grupo implicam em identificação, já as relações com grupos diferentes podem levar a conflitos. Quando se pensa, por exemplo, em uma organização que implique a convivência de indivíduos pertencentes a diferentes grupos sociais, há uma realidade potencialmente conflituosa, sobretudo quando indivíduos diferentes precisam se unir em nome dos interesses e valores de outro grupo (o da organização).

Aula-tema 4: As Interações Sociais, a Estrutura Social e os Grupos Sociais

Acomodação –processo social no qual o indivíduo ou grupos se ajustam a uma situação conflitiva, sem terem admitido mudanças importantes quanto aos motivos que deram origem ao conflito.

Assimilação – processo social que implica os indivíduos ou grupos alterarem profundamente suas maneiras de pensar, sentir e agir, com o objetivo de se integrar ao meio social em que vivem.

Autoridade –componente do poder, que se compreende como um direito estabelecido para tomar decisões e ordenar ações de outrem.

Competição – processo social que ocorre com indivíduos ou grupos sociais e que consiste na disputa, consciente ou inconsciente, por bens e vantagens sociais limitadas em número e oportunidades.

Comunidade – forma de organização social na qual os membros compartilham um, relativamente, claro e definido senso de identidade.

Conflito – processo social no qual pessoas ou grupos procuram recompensas pela eliminação ou enfraquecimento dos competidores.

Cooperação –processo social que consiste em uma ação comum para realizar determinado fim.

Dominação –processo social que remete à possibilidade de se encontrar obediência a determinada ordem, independente da reação dos indivíduos que a recebem. A dominação é o efetivo exercício do poder, sendo constituída por relações de subordinação entre indivíduos ou grupos.

Elite –minoria que existe em todas as sociedades e que por várias formas é detentora de autoridade ou poder, em contraposição a uma maioria que está dele privada.

Estereótipo –é a imagem distorcida, que um grupo partilha de um outro grupo social.

Estrutura Social –se refere aos padrões, relativamente estáveis e duradouros, em que estão organizadas as relações sociais e que formam a estrutura básica daquilo que se denomina sociedade.

Força –componente do poder, que consiste no uso ou ameaça de coerção física.

Grupo de Interesse –conjunto de indivíduos que procuram defender, junto aos órgãos governamentais, certo interesse ou causa comum.

Grupos de Referência –grupos sociais que o indivíduo aceita como modelo e guia de seu próprio comportamento e ações.

Grupos Externos –grupos pessoais aos quais não se pertence.

Grupos Pessoais – grupos sociais aos quais as pessoas sentem que pertencem.

Grupos Primários –são aqueles em que as pessoas e conhecem intimamente como personalidades individuais, por meio de contatos sociais que são íntimos, pessoais e totais, pois envolvem muitas partes da experiência de vida de uma pessoa.

Grupos Secundários –grupos nos quais os contatos sociais são impessoais, limitados, não permanentes, e suas reuniões têm um objetivo prático determinado.

Grupo Social –é qualquer número de pessoas que partilham de uma consciência de interação e filiação, ou seja, um conjunto de pessoas em interação, que compartilham uma consciência de membros.

Identidade Social –sensação de descobrir quem e o que nós somos. Permite estabelecer parâmetros com outros membros da sociedade, avaliando o pertencimento a grupos sociais ou status.

Influência –componente do poder que se refere à habilidade para afetar as decisões e ações de outros.

Interação Social –ação recíproca de ideias, atos ou sentimentos entre pessoas, entre grupos ou entre pessoas e grupos.

Lobby –processo por meio do qual os representantes dos grupos de pressão levam ao conhecimento das autoridades públicas os desejos de seu grupo.

Organização Social –elemento dinâmico do processo social, que se refere ao sistema de relações sociais existentes em uma sociedade.

Poder – capacidade para afetar o comportamento dos outros.

Poder Social –processo social que implica na capacidade que possuem os indivíduos ou grupo social de modificar o comportamento de outros grupos ou pessoas.

Processo Social –interação repetitiva de padrões de comportamento comumente encontrados na vida social.

Sociedade –grupo autônomo de pessoas, que ocupam um território comum, têm uma cultura comum e possuem uma sensação de identidade compartilhada.