Trabalho Completo LOJAS CEM

LOJAS CEM

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Outras

Enviado por: italosp22 28 maio 2013

Palavras: 1951 | Páginas: 8

CURSO DE ADMISTRAÇÃO DE EMPRESAS

RELATÓRIO FINAL

DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

EVERTON FURLAN

CAPIVARI

2009

2

FACULDADE CENECISTA DE CAPIVARI – FACECAP

CURSO DE ADMISTRAÇÃO DE EMPRESAS

EVERTON FURLAN

RELATÓRIO FINAL

DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

RELATÓRIO DE ESTÁGIO

APRESENTADO Á FACULDADE

CENECISTA DE CAPIVARI –

FACECAP- COMO UM DOS PREREQUISITOS

PARA OBTENÇÃO DO

GRAU DE BACHAREL EM

ADMINISTRAÇÃO.

CAPIVARI

2009

3

FACULDADE CENECISTA DE CAPIVARI – FACECAP

CURSO DE ADMISTRAÇÃO DE EMPRESAS

PAGINA DOS EXAMINADORES

PROFESSOR COORDENADOR: MARCO ANTONIO ARMELIN

PROFESSOR ORIENTADOR: MARCELO MADER DE MELLO

SUPERVISOR NA EMPRESA: CESAR LUIS CLAUDIO

CAPIVARI

2009

4

FACULDADE CENECISTA DE CAPIVARI – FACECAP

CURSO DE ADMISTRAÇÃO DE EMPRESAS

AGRADECIMENTOS

Primeiramente agradeço a Deus por me dar saúde e

capacidade para realizar mais esse objetivo de vida.

Agradeço também minha família em especial, meu

Pai Jose Maria Furlan e minha mãe Aparecida de

Fátima A. Furlan e minha esposa Paula A. dos S.

Furlan que sempre me apoiaram nos momentos de

dificuldades. Também não posso deixar de agradecer

meu irmão e amigos de estudos e trabalhos que de

uma forma ou de outra na deixaram de contribuir

e aos meus professores e orientadores que mostraram

o caminho com dedicação e paciência.

CAPIVARI

2009

5

CARTA DE CONCLUSÃO DE ESTÁGIO

Ilmo. Sr.

Prof. Marco Antonio Armelin

Coordenador de Estágio Supervisionado do Curso de Administração da FACECAP

Prezado Senhor

Ref. Conclusão de estágio de:

Everton Furlan

RA: 06227700

Orientado pelo Professor: Marcelo Mader de Melo

De acordo com determinação do Regulamento de Estágio da FACECAP, vimos

informar a V. As. , por meio desta, que o (a) aluno(a) acima concluiu seu estágio nesta

empresa.

Nome do Supervisor na Empresa: Cesar Luis Claudio

Área onde se Realizou o Estágio: Recursos Humanos

Início do Estágio : _01_/_04_/_2009 Término : _01_/_10_/_2009_

Realizado em _06_ meses e _300_ horas efetivas.

___________________________

Cesar Luis Claudio

Supervisor Lojas Cem

6

SUMÁRIO

Carta de Conclusão de estagio

CAPITULO 1 – Caracterização da Empresa

1.1 Identificação do estagiário ............................................................ 09

1.2 Identificação da empresa .............................................................. 09

1.3 Histórico ......................................................................................... 10

1.4 Principais Produtos e Serviços ...................................................... 12

1.4.1 Principais Produtos ............................................................. 12

1.4.2 Principais Serviços .............................................................. 14

1.5 Níveis de Produção ........................................................................ 15

1.6 Tendências da Empresa ................................................................ 15

1.7 Organograma Gera ........................................................................ 17

CAPITULO 2 – Analise da Organização

2.1 Missão da Empresa ....................................................................... 20

2.1.1 Visão da Empresa ............................................................... 21

2.1.2 Valores da Empresa ........................................................... 21

2.2 Política da Empresa ...................................................................... 21

2.3 Setor Econômico ........................................................................... 21

2.4 Segmento de Mercado .................................................................. 21

2.5 Concorrentes ................................................................................. 22

2.6 Fornecedores ................................................................................ 22

2.7 Clientes ......................................................................................... 24

2.8 Influencias Externa ....................................................................... 24

7

2.9 Ambiente Interno ........................................................................... 24

2.10 Tecnologia Empregada ................................................................. 25

CAPITULO 3 – Caracterização da Área

3.1 Organograma Geral da Área ......................................................... 26

3.2 Organograma Detalhado da Área ................................................. 27

3.3 Funcionograma da Área ................................................................ 28

3.4 Estrutura da Área .......................................................................... 28

3.5 Layout da Área .............................................................................. 29

3.6 Contribuição da Área para missão da Empresa ............................ 29

3.7 Áreas correlacionadas ................................................................... 31

3.7.1 Conselho Diretor ................................................................. 31

3.7.2 Supervisor Geral ................................................................. 32

3.7.3 Supervisor Regional ............................................................ 32

3.7.4 Gerente de Loja .................................................................. 32

3.7.5 Assistência Administrativa ................................................. 32

CAPITULO 4 – Atividades Desenvolvidas

4.1 Planos de Treinamentos em Gestão de Pessoas ......................... 33

4.1.1 Conceito de Treinamento .................................................... 33

4.2 Motivação e Treinamento .............................................................. 33

4.2.1 Conceito de Motivação ........................................................ 34

4.3 ISO 9000 : 2000 ............................................................................. 34

4.3.1 Aplicação das normas ISO nas Lojas Cem ......................... 35

4.4 Programa de Treinamentos ( Vendas ) .......................................... 36

4.4.1 Analise de Programa de Treinamento ................................. 36

8

4.4.2 Fluxograma do Processo de Treinamento ........................... 37

4.4.3 Manuais de Normas de Conduta ......................................... 38

4.4.4 Roteiros de Fitas de Videos – DVD ..................................... 38

4.4.5 Levantamento de Necessidades de Treinamentos .............. 39

4.4.6 Levantamentos de Custos de Treinamentos ....................... 40

4.4.7 Avaliação do Treinamento Aplicado .................................... 40

4.4.8 Avaliação Comportamental ................................................. 41

4.4.9 Histórico Profissional ........................................................... 41

CAPITULO 5 – Diagnostico dos principais problemas e Sugestões de Melhorias

5.1 Plano de Treinamento em Gestão de Pessoas .................... 42

5.1.1 Finalidades ................................................................ 42

5.1.2 Problemas Identificados ............................................ 42

5.1.3 Teorias Pertinentes ................................................... 43

CAPITULO 6 – Conclusão .............................................................. 47

BIBLIOGRAFIA - ....................................................................................... 48

9

Capitulo l - Caracterização da Empresa

IDENTIFICAÇÃO DO ESTAGIÁRIO E DA EMPRESA

1. CARACTERIZAÇÃO DA EMPRESA

1.1. IDENTIFICAÇÃO DO ESTAGIÁRIO

NOME : Everton Furlan R.A. 06227700

ANO : 2009

PERÍODO : Noturno

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

1.2. IDENTIFICAÇÃO DA EMPRESA

NOME : LOJAS CEM S/A

ENDEREÇO : Rua XV de Novembro nº 794

CIDADE : Capivari UF: SP CEP : 13.360-000

TELEFONE : 19 34911458 FAX: 19 34911458

E-MAIL : sac@lojascem.com.br

RAMO DE ATIVIDADE : Comércio Varejista

OBJETIVO EMPRESARIAL : Venda de Eletrodomésticos e Móveis

PORTE DA EMPRESA : Médio Porte

N° DE EMPREGADOS : 4.500

FATURAMENTO ANUAL : 900 milhões

CAPITAL SOCIAL: Não divulgado

SETOR ONDE REALIZOU O ESTÁGIO : Área de Recursos Humanos

DISCIPLINAS CORRELATAS : Administração Geral, Recursos Humanos,

Marketing, Psicologia e Economia

10

1.3 Histórico

Uma história de Sucesso

A história de sucesso das Lojas Cem não é recente. Começou em 1952,

na cidade de Salto, a 100 Km da capital. Seu fundador , Remígio Dalla

Vecchia, decidiu montar um negócio de conserto e venda de bicicletas peças e

acessórios. Investiu o equivalente a US$ 10 mil - parte deste capital

proveniente da indenização recebida por sua esposa, Nair Zanni Dalla Vecchia,

por ocasião do fechamento da indústria têxtil onde trabalhava.

FOTO: Fachada da Filial Capivari/SP.

11

A empresa que deu origem às Lojas Cem foi fundada em 1 de julho de

1952. A razão social, na época, era Zanni & Dalla Vecchia. Só vendia e

consertava bicicletas.

Foi com o esforço e a determinação dos filhos que, em 1959, os rumos

da empresa começaram a mudar. Apesar da resistência inicial do fundador,

preocupado com a transformação de um negócio que ia bem, a seção de

peças e consertos cedeu espaço aos primeiros eletrodomésticos. Sete anos

mais tarde, foi introduzida também a linha de móveis. A diversificação coincidiu

com a mudança da loja do prédio original, alugado, para Outro mais amplo e

próprio. Ern 1968 o Sr. Remígio aposentou-se. A R. Dalla Vecchia S/A passou,

então, a ser dirigida por um conselho formado por quatro diretores. A empresa

havia passado por várias alterações em sua razão social e iniciado o processo

de expansão. 0 objetivo era ir muito além das 4 lojas que possuía na época.

Para isso, era preciso um nome curto, impessoal e de fácil memorização A

sigla CEM - Centro dos Eletrodomésticos e Móveis, foi escolhida em 1976, por

meio de um grande concurso, que movimentou a região. A partir daí, as Lojas

Cem não parou de crescer. Dezenas de filiais foram construídas e inauguradas

em todo o interior do Estado, grande São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e

Paraná. Todos prédios padronizados e com área média superior a 1000 m2

Mais tarde, a loja passou a comercializar também eletrodomésticos.

Modernização

Investir em tecnologia é uma constante na história das Lojas Cem. A

matriz é totalmente informatizada e interligada às lojas via computador. No

início das manhãs é possível saber o faturamento de cada filial até às 18 horas

do dia anterior. Foi também a primeira empresa do ramo a implantar a

terceirização e foi a primeira a conceder crédito direto ao consumidor, aprovado

nas próprias lojas, sem a necessidade de um departamento específico para

esse fim. Medidas como essa mantêm sua estrutura enxuta e garantem preços

altamente competitivos, sem prejuízo da rentabilidade da rede, uma das mais

sólidas de todo o varejo brasileiro.

No ano de 2005, as Lojas Cem sofreram uma grande perda, seu

fundador Sr. Remígio Dalla Vecchia, seu Gino, faleceu aos 91 anos de idade

12

na cidade de Salto/SP, onde viveu e conseguiu atingir seu sucesso como

empresário com muito trabalho e dedicação.

1.4 Principais Produtos e serviços

1.4.1 Principais Produtos

As Lojas Cem comercializa cerca de 10.000 produtos. Abaixo cita-se

alguns exemplos:

- Moveis: Guarda-roupas, Dormitório, Cozinhas Conjugadas, Rack,

Refrigeradores, Fogões, Móveis Infantis, TV, Aparelhos de Som, Estofados,

Tapetes, DVD, Bicicletas e Ciclomotores.

- Eletrodomésticos: Faqueiros, Batedeiras, Liquidificadores, Micro System,

Micro Computadores, cafeteiras, Violões, Telefones Celulares, Telefone sem

fio, Filmadoras, Máquina Fotográfica, Calculadoras, Espremedores de frutas e

outros mais.

FOTO: Setor de Eletrodomésticos

13

FOTO: Setor de Móveis I

FOTO: Setor de Móveis II

14

FOTO: Setor de TV

1.4.2 Entre os principais Serviços podemos citar:

- Assistência técnica;

- Atendimento a possíveis reclamações;

- Consórcio;

As Lojas Cem tem em seu sistema cerca de 90.000 clientes

cadastrados, e com contas ativas, sendo a maioria pessoas físicas. Sua venda

anual chega a quase 900 milhões de reais, dados esses totalizados por todas

as lojas da rede.

15

1.5 Tendência Futuras da Empresa

As lojas Cem empregam em toda rede 4.500 funcionários diretos e cerca

de 1.500 indiretos.

Cada loja inaugurada proporciona, em média, 50 empregos diretos, 20

indiretos, para profissionais contratados na própria cidade.

As Lojas Cem além de gerar empregos, aumentam a arrecadação de

impostos e fortalecem o comércio local, evitando a evasão de consumidores

para outros centros.

A filosofia de só abrir lojas em prédios próprios traz segurança a rede,

com certeza a mais sólida de todo o varejo brasileiro. Entretanto, a expansão

se faz de maneira mais lenta, devido ao tempo necessário para a pesquisa

cuidadosa da praça, a compra do imóvel e a construção dos prédios.

As Lojas Cem tem como expectativa para o futuro manter e melhorar o

modo de atuação da empresa no mercado, ou seja, continuar abrindo filiais,

todas em prédio próprios e com uma minuciosa pesquisa e análise da praça

antes de investir no local, além disso, a empresa vai procurar levar sempre ao

conhecimento nacional a sua imagem, tendo em vista a sua capacidade de

satisfazer as necessidades de seus clientes, aumentando assim o numero de

clientes cadastrados e ativos.

1.6 Tendência Futuras do Setor Econômico da Empresa

As Lojas Cem acreditam e investem no país para continuar crescendo,

cumprindo sempre seu papel social.

Com a chegada de plano real, em 1994, os consumidores em geral,

passaram a ter mais poder de compra, com a queda dos juros, mas como nem

tudo é um mar de rosas, varias crises e turbulências afetaram o setor

econômico de nosso país mas, mesmo com todas essas crises as Lojas Cem

acredita no país e vai sempre continuar oferecendo aos seus clientes os

melhores preços e planos de pagamentos.

16

Segundo a FECOMERCIO – Federação Paulista do Comércio o

faturamento do comércio teve alta de 3% em setembro. No acumulado de

2005, o desempenho do varejo tende a ser discreto, segundo pesquisa

conjuntural elaborada pela mesma.

Ancorado no bom desempenho das vendas de vestuário, tecidos,

calçados, autopeças e acessórios, o faturamento real do comércio varejista da

Região Metropolitana de São Paulo e interior cresceu 3,0% em setembro, em

comparação ao mesmo período de 2004. No acumulado do ano, o setor

registra alta de 2,4%, resultado semelhante ao verificado até agosto (2,3%).

Segundo a Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista (PCCV), elaborada

pela Fecomercio, as vendas de vestuário, tecidos e calçados cresceram 21,9%.

A alta no setor de autopeças e acessórios foi de 18%. As quedas mais

expressivas no mesmo período foram registradas nas lojas de departamento

(20,2%), eletrodomésticos e eletrônicos (11,4%) e de materiais de construção

(10,9%).

Os levantamentos da PCCV revelam ainda que o desempenho do varejo

entre janeiro e setembro de 2005 oscilou moderadamente entre –0,2% e 2,4%.

As variações nos setores, ao contrário, tiveram comportamentos diferenciados.

Cinco atividades registraram alta e quatro queda no mesmo período

investigado. As variações negativas flutuaram entre 1,2% e 10,5%, portanto o

setor de Eletro/Eletrônicos, como mostra a pesquisa esta passando por um

momento não muito bom, mas com a chegada do Natal essa diferença tende a

ser equilibrada, restam então dúvidas para os próximos meses e início de

2006, mas as Lojas Cem acreditam que com uma boa política interna de

trabalho essas oscilações não vão comprometer as metas e projetos futuros da

empresa.

17

1.7 Organograma Geral

Figura 1: Organograma Geral

Fonte: Lojas Cem

18

Conselho Diretor:

- Diretor A - responsável pela expansão, administração dos imóveis.

- Diretor B e C – responsável pela compra de eletrodomésticos e móveis.

- Diretor D- responsável pela área financeira e o que dá o aval final para

todas as decisões.

Assessoria Administrativa:

- Assessor A - responsável por todo o CPD e finanças.

- Assessor B- responsável pela matriz.

- Assessor C- responsável por todas as lojas.

- Gerente Escritório Central- responsável por toda a movimentação da

empresa com os bancos.

Gerente de Departamentos:

- Gerente A- responsável pelo departamento de Contabilidade e Escrita

Fiscal.

- Gerente B- responsável pelo departamento de CPD.

- Gerente C- responsável pelo departamento de Consórcio.

- Gerente D- responsável pelo departamento de faturamento, Frete,

Inspetores e Cozinha.

- Gerente E- responsável pelo Departamento de Crédito e Cobrança.

- Gerente F- responsável pelo Departamento Pessoal.

- Gerente G- responsável pelo Departamento de CPD (noturno).

- Supervisor Geral das Lojas - responsável pelos supervisores e

acompanhamento do funcionamento das lojas.

- Supervisores Regionais da Loja 11 supervisores, sendo cada um

responsável por 12 lojas, acompanhando de perto todo o

funcionamento.

- Gerentes de Lojas - Gerente de Compra de Eletro- responsável por

todo o contato com fornecedores de eletro.

- Gerente de Propaganda - responsável pela criação, produção e

veiculação das campanhas.

19

- Gerente de Compra de Móveis responsável por todo o contato com

fornecedores de móveis.

- Gerente de Depósito - responsável por todo o trabalho do depósito.

- Gerente de Assistência Técnica- responsável pela assistência de

móveis e eletro.

- Gerente de Expedição - responsável pelo transporte

- Gerente de Recebimento.

- Gerente de Preparação.