Trabalho Completo A Loka

A Loka

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Letras

Enviado por: felipe_489405 26 maio 2013

Palavras: 2239 | Páginas: 9

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA – INSTITUTO DE FÍSICA

DEPARTAMENTO DE FÍSICA DA TERRA E DO MEIO AMBIENTE

CURSO: FÍSICA GERAL E EXPERIMENTAL I – E

SEMESTRE: 2008.1

6ª LISTA DE EXERCÍCIOS - DINÂMICA

Considere g=10 m/s2

para a resolução de todas as questões.

1.) Segundo a figura abaixo, calcule o coeficiente de atrito entre o bloco A e a

superfície se:

a) O sistema se move em movimento retilíneo uniforme.

b) O sistema se move com aceleração a.

Dados:

O bloco A tem massa m e o bloco B massa M, com M > m.

O coeficiente de atrito estático e cinético entre B e a superfície são me

e mc

respectivamente.

2.) Um elevador pode funcionar como mostra a figura abaixo. Supondo que o peso do

elevador E seja de 1000 N, o peso C 200 N e o coeficiente de atrito cinético (entre o

elevador e a parede) seja 0,5. Pergunta-se:

a) Qual o valor de força lateral F que se deve aplicar ao elevador para que ele desça

com velocidade constante?

b) Qual deve ser o valor dessa força se agora o elevador desce com aceleração de 0,5

m/s2

.

3.) Um bloco A, de massa m=10 kg, está sobre um carro B, o qual desce por uma

rampa sem atrito, como mostra a figura, sem que A escorregue sobre B. Sendo

sinq =0.6 e cosq =0.80. Calcule a intensidade da força normal (N) e da força de

atrito, exercidas pelo carro sobre o bloco A. 4.) Na figura abaixo os blocos A e B têm 100 N de peso cada um. Os coeficientes de

atrito estático entre os blocos e entre o bloco B e o plano inclinado são iguais. O

ângulo de inclinação do plano q =370

. O fio que mantém o bloco A é paralelo ao

plano inclinado.

a) Faça um diagrama de todas as forças aplicadas a cada corpo isoladamente.

Tendo o deslizamento do bloco eminente, determine (b) o coeficiente de atrito

estático. e (c) o módulo da tração no fio.

5.) Uma moeda é colocada sobre uma plataforma circular que gira executando 4

rotações completas em 2,5 s. a) Calcule o módulo da velocidade da moeda supondo

que ela esteja situada a uma distância de 6 cm do centro de rotação da plataforma, sem

deslizar sobre a plataforma. b) Sendo a massa da moeda 10 g, calcule a força

centrípeta que atua sobre a moeda neste instante. c) Qual é o valor da força de atrito

que atua sobre a moeda nas condições do item (a)?

6.) No sistema mostrado abaixo, o bloco A de massa mA = 25 kg e de comprimento

0,5 m, repousa sobre um plano inclinado de 30o

em relação à horizontal sem atrito. O

bloco B de massa mB = 5 kg, colocado sobre A, é preso à parede por um fio. O

coeficiente de atrito cinético entre eles é 0,1.

a) Faça um diagrama de todas as forças que atuam sobre cada corpo isoladamente.

b) Aplicando-se uma força constante de 5 N, determine a velocidade do bloco A ao fim de

0,3 s. 7.) O corpo de massa m2= 10 kg escorrega sobre o plano de inclinação q =15o

sem

atrito. Os coeficientes de atrito estático e cinético entre m2 e m1 = 5 kg são me =0,6 e

mc = 0,4. Considere sinq =0,26 cosq =0,97. Supondo que o sistema se desloca na

direção de m3.

a) Qual é a aceleração máxima de m1?

b) Qual o valor máximo de m3 quando m1 desloca-se, sem escorregar, com m2?

c) Se a massa m3 é o dobro do valor encontrado no item (b) determine a aceleração de

cada corpo e a tensão no cabo.

8.) Os corpos A e B têm massas mA=4 kg e mB=1 kg e estão sobre um plano inclinado

fixo de inclinação q =30o

. O corpo C, pendurado pelo fio (inextensível e de massa

desprezível), tem massa mC= 10 kg. O coef. de atrito cinético entre as superfícies em

contato vale mc =0,5.

a) Coloque na figura, todas as forças que atuam nos corpos A, B e C.

b) Qual a aceleração do sistema?

c) Qual o valor da força de reação de A sobre B?

9.) O bloco A, apoiado em uma superfície plana horizontal sem atrito, move-se em

movimento de aceleração a, empurrado por uma força horizontal F. O bloco A por sua

vez empurra um bloco B, como mostra a figura, de modo que B não caia. Suponha

que o coeficiente de atrito estático entre os blocos A e B seja m =0,40.

a) Determine o módulo do vetor aceleração a.

b) Supondo que as massas de A e B sejam mA=8,0 kg e mB=2,0 kg. Calcule o valor da

intensidade de F.

10.) No topo de um plano inclinado de altura h existem dois blocos. A inclinação do

plano em relação à horizontal vale q =45o

. Um dos blocos é largado no ar, sem

velocidade inicial e o tempo da queda livre deste bloco é igual a t. O outro bloco é largado sobre o plano, também sem velocidade inicial, e leva um tempo igual a 2t

para deslizar até a base do plano. Calcule:

a) a aceleração do bloco que deslizou sobre o plano.

b) o coeficiente de atrito cinético entre o plano e o bloco.

11.) Uma massa m1 está sobre um plano inclinado horizontal e ligado por um fio

delgado, que passa por um suporte sem atrito, a uma outra massa m2 de 2,5 kg

pendurada a 1,5 m do solo (figura abaixo). O sistema começa a se mover do repouso e

a segunda massa, m2, bate no solo no instante t=0,82 s. O sistema é reordenado, na

mesma posição inicial, e uma terceira massa de 1,2 kg é colocada sobre o bloco massa

m1. Partindo do repouso, o corpo de massa 2,5 kg chega ao solo em 1,3 s depois.

Determinar a massa m1 e o coeficiente de atrito entre m1 e o plano horizontal.

12.) O esquema a seguir representa um disco horizontal que, acoplado rigidamente a

um eixo vertical, gira uniformemente sem sofrer resistência do ar. Sobre o disco estão

apoiados dois bloquinhos, A e B, constituídos de materiais diferentes, que distam do

eixo de 40 cm e 20 cm, respectivamente. Os bloquinhos estão na iminência de

deslizar, então obtenha:

a) a relação vA /vB das velocidades lineares entre A e B em relação ao eixo.

b) a relação mA mB

/ dos coeficientes de atrito estático entre os blocos A e B e o

disco.

13.) Na figura abaixo, um trabalhador cuidadoso aplica uma força F ao longo do cabo

de um esfregão. O cabo faz um ângulo com a vertical, sendo me

e mc

os respectivos

coeficientes de atrito estático e cinético entre o esfregão e o chão. Despreze a massa

do cabo e suponha que toda massa m esteja no esfregão. (a) Qual o valor de F, se o

esfregão se move pelo chão com velocidade constante? (b) Mostre que, se q é menor

do que um determinado qo

, então F (ainda aplicada ao longo do cabo) é incapaz de

mover o esfregão. Determine qo

. 14.) O dispositivo da figura gira em torno do eixo vertical com a velocidade angular w . (a)

Qual deve ser o valor de w para que o fio de comprimento l com a bolinha suspensa de

massa m faça um ângulo q com a vertical. (b) Qual a tensão no fio nesta situação?

15.) Na figura abaixo, o corpo de massa m2 = 10 kg escorrega sobre uma mesa sem atrito.

Os coeficientes de atrito estático e cinético entre m2 e m1=5 kg são me

=0,6 e mc

=0,4. (a)

Qual é a aceleração máxima de m1? (b) Se m3= 30 kg, determinar a aceleração de cada

corpo e a tensão na corda.

16.) Um porco, que gosta de brincar de escorrega, desce uma certa rampa com 35o

de

inclinação (figura abaixo) no dobro do tempo que ele levaria para descer um escorrega

liso com 35o

de inclinação. (a) Qual é o coeficiente de atrito cinético entre o porco e a

rampa? (b) Sendo L=0.5 m, o comprimento do escorregador, determine o tempo

necessário para que atinja a base do escorrega e a sua velocidade. 17.)Dois blocos A e B, ambos de massa m, estão ligados por um fio, que passa por

uma polia de massa desprezível, que gira sem atrito. O bloco A está apoiado sobre um

carrinho de massa 4 m, que pode se deslocar sobre a superfície horizontal sem

encontrar qualquer resistência. A figura a seguir mostra a situação descrita.

Quando o conjunto é liberado, B desce e A se desloca com atrito constante sobre o

carrinho, acelerando-o. Sendo o coeficiente de atrito dinâmico entre A e o carrinho

0,20 e considerando g=10 m/s2

. Determine: (a) a aceleração do carrinho; (b) a

aceleração do sistema constituído por A e B;

18.) Um corpo D com 6 kg de massa está sobre uma superfície cônica ABC, sem

atrito, girando em torno do eixo EE1 com velocidade angular de 10 rev/min. Calcular:

a) a velocidade linear do corpo;

b) a reação da superfície sobre o corpo;

c) a tensão no fio;

d) a velocidade angular necessária para que a reação do plano seja zero.

19.) Uma pequena bola de massa m, inicialmente em A, desliza sobre uma superfície

circular ADB sem atrito. Demonstre que quando a bola está no ponto C, a velocidade

angular e a força exercida pela superfície são, respectivamente, dadas por:

[( ) ]

1/ 2

w = 2g sena /r e N = 3 m g sena20.) No pêndulo da figura, a bola descreve uma circunferência horizontal com

velocidade angular de 3 rad/s. Calcule a tensão na corda e o ângulo que ela faz com a

vertical para o caso em que M = 12 kg e L = 1,16 m.

21.) Um corpo cuja massa é de 2 kg move-se sobre uma superfície lisa horizontal sob

a ação da força horizontal F = 55 + t2

(SI). Calcule a velocidade do corpo quando t =

5 s. O corpo estava em repouso em t = 0.

22.) Determine a aceleração de m na figura, se o coeficiente de atrito com o solo é m..

Calcule a força que o solo exerce no corpo. Dados: m = 2 kg; a = 37o

; m = 0,2; F =

15 N.

23.) Uma pedra com 0,4 kg de massa está ligada a uma das extremidades de uma

corda cujo comprimento é 0,8 m. Se a pedra gira a 80 rpm em movimento circular

horizontal, qual a intensidade da força que a corda exerce na pedra? Se a ruptura da

corda ocorre para tensões maiores que 50 N, qual a maior velocidade angular possível

para a pedra?

24.) Um corpo com 45 kg de massa é lançado verticalmente com velocidade inicial de

60 m/s. A resistência do ar ao movimento é dada por f = - 3 v/100 (SI). Calcule o

tempo decorrido desde o lançamento até a altitude máxima. Qual a altitude máxima?

25.) Um elevador vazio, de 5000 kg, desce com aceleração constante. Partindo do

repouso, ele percorre 30 m durante os primeiros 10 s. Calcule a tensão no cabo que

puxa o elevador.

26.) Um avião puxa dois planadores, um atrás do outro. A massa de cada planador é

de 1200 kg e a força de atrito sobre cada planador, suposta constante, é igual a 2000

N. A tensão no cabo que liga o avião ao primeiro planador não pode exceder 104

N. a) Se é necessária uma velocidade de 40 m/s para a decolagem, qual deve ser a

extensão mínima da pista?

b) Qual a tensão no cabo que liga os planadores enquanto acelerados para a

decolagem?

27.) Considere a figura abaixo. A massa m está apoiada sobre a mesa sem atrito. Uma

corda, de massa desprezível, liga a massa m com a massa M. Determine a velocidade

angular de m para que M permaneça em repouso.

28) Um corpo de peso W repousa em uma superfície inclinada como mostra a figura.

Um eixo ligado ao sistema força-o a girar em torno do eixo vertical. Encontre as rpm

para as quais a tração na corda é igual ao peso do corpo. GABARITO:

1) a)

q

m q

m

cos

sin

mg

Mg F mg c

A

- -

= ; b)

q

q m

m

cos

( sin ) ( )

mg

M m g M m a cF

A

- - + -

=

2) a) 1600 N; b) 1480 N 3) N= 64 N e fat = 48 N 4) b) 0,25 ; c) 80 N

5) a) 0,6 m/s ; b) 0,06 N; c) 0,06 N 6) b) 1,5 m/s

7) a) 3,22 m/s2

; b) 13 kg; c) a1 = 1,18 m/s2

; a2= 5,9 m/s2

.

8) b)1,1 m/s2

; c) 14,75 N 9) a) 25 m/s2

; b) 250 N 10) a) 3,6 m/s2

; b) mc =0,5

11) m1= 1,22 kg e m = 0,67 12) a) VA/ VB= 2 e b) / = 2 mA mB

13)

q m q

m

cos c

c

sen

mg F

-

= e tan ( )

1

qo me

-

= 14) w = g tgq /(d + l senq)

15) a) 6 m/s2

; b) a1= 4 m/s2

e a2 = 7 m/s2

16) a) = 0,52 mc

; b) t=0,84 s e v=1,18 m/s

17) a) 0,5 m/s2

e b) 4 m/s2

18) 4,1 m/s ; 39 N ; 52 N ; 2,1 rad/s

19) demonstração 20) 125,3 N ; 16,7o

21) 158,3 m/s 22) 4,9 m/s2

; 11,2 N

23) 22,46 N ; 12,5 rad/s 24) 5,99 s ; 178,15 m

25) 47 kN 26) 320 m ; 5000 N

27) {(M g)/(m r)}1/2 28) 20 rpm