Trabalho Completo Músculos Do Pé - Funcionalidade

Músculos Do Pé - Funcionalidade

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Biologia e Medicina

Enviado por: Maria 03 dezembro 2011

Palavras: 7012 | Páginas: 29

...

is. O tendão que se prende no primeiro dedo insere-se na base da falange proximal, com os tendões para os outros três dedos se unindo às faces laterais dos tendões do extensor longo dos dedos. O extensor curto dos dedos estende a articulação metatarsofalângica do primeiro dedo e os três dedos intermédios, por meio de inserções nos tendões extensores longos e nas aponeuroses extensoras. Ele é inervado pelo nervo fíbular profundo.

Na planta

Os músculos na planta do pé estão dispostos em quatro camadas. Da região superficial para a profunda, ou plantar para dorsal do pé, estas camadas são a primeira, segunda, terceira e quarta camadas.

Primeira camada

Existem três componentes musculares na primeira camada, que é a mais superficial das quatro camadas e localiza-se imediatamente abaixo da aponeurose plantar. Da região mediai para a lateral, estes músculos são o abdutor do hálux, flexor curto dos dedos e abdutor do dedo mínimo.

[pic]

|Músculos |Origem |Inserção |Inervação |Função |

|Músculo |Origem |Inserção |Inervação |Função |

|Abdutor do Hálux |Processo medial da |Face medial da base da |Nervo plantar medial do |Abduz e flexiona o hálux na |

| |tuberosidade do calcâneo |falange do hálux. |nervo tibial |articulação metatarsofalângica. |

|Flexor curto dos dedos |Processo medial da |Lados da superfície |Nervo plantar medial do |Flexiona os quatro dedos laterais|

| |tuberosidade do calcâneo e |plantar das falanges |nervo tibial |na articulação interfalângica |

| |aponeurose plantar. |médias dos quatro dedos | |proximal |

| | |laterais | | |

|Abdutor do dedo mínimo |Processos laterais e medial da|Face lateral da base da |Nervo plantar lateral do |Abduz o dedo mínimo na |

| |tuberosidade do calcâneo e |falange proximal do dedo |nervo tibial |articulação metatarsofalângica. |

| |banda de tecidos conjuntivos |mínimo. | | |

| |que conecta o calcâneo e a | | | |

| |base do metatarsal V. | | | |

[pic]

Abdutor do Hálux

O Músculo abdutor do hálux forma-se na margem medial do pé e contribui para o volume de tecido mole encontrado na face medial da planta. Ele se origina do processo medial da tuberosidade do calcâneo e margens adjacentes do retináculo dos músculos flexores e aponeurose plantar. Ele forma um tendão que se insere na fazer medial da base da falange proximal do primeiro dedo e no osso sesamóide medial associado ao tendão do músculo flexor curto do hálux.

Flexor curto dos dedos

O músculo flexor curto dos dedos posiciona-se imediatamente superior à aponeurose plantar e inferior aos tendões do flexor longo dos dedos na planta do pé. O ventre muscular plano e fusiforme origina-se como um tendão no processo medial da tuberosidade do calcâneo e da aponeurose plantar adjacente.

As fibras musculares do flexor curto dos dedos convergem anteriormente para formar quatro tendões, cada um deles dirigindo-se lateralmente para os quatro dedos. Próximo à base da falange proximal do dedo, cada tendão se divide para passar dorsalmente ao redor de cada um dos tendões do flexor longo dos dedos e inserir-se nas margens da falange média.

O flexor dos dedos flete os quatro dedos laterais nas articulações interfalângicas proximais, sendo inervado pelo ramo plantar medial do nervo ‘’ tibial.

Abdutor do dedo mínimo

O músculo abdutor do dedo mínimo localiza-se na face lateral do pé e contribui para a grande eminência plantar lateral da planta do pé. Ele possi uma ampla base de origem, principalmente nos processos lateral e medial da tuberosidade do calcâneo e de uma banda fibrosa de tecido conjuntivo, que conecta o calcâneo com a base do matatarsal V.

O abdutor do dedo mínio forma um tendão, que cursa em um raso sulco na superfície plantar da base do metatarsal V e continua adiante para se inserir na face lateral da base da falange proximal do dedo mínimo.

O abdutor do dedo mínimo abduz o quinto dedo na articulação metatarsofalângica e é inervado pelo ramo plantar lateral do nervo tibial.

[pic]

Segunda camada

A segunda camada muscular na planta do pé está associada aos tendões do músculo flexor longo dos dedos, que passa através desta camada, e consiste do quadro plantar e de quatro músculos lumbricais.

Quadrado Plantar

O músculo quadrado plantar é um músculo quadrangular e plano com duas cabeças de origem:

▪ Uma das duas cabeças origina-se na superfície medial do calcâneo inferior ao sustentáculo do tálus;

▪ A outra cabeça origina-se na superfície inferior do calcâneo anterior ao processo lateral da tuberosidade do calcâneo e a fixação do ligamento plantar longo.

O músculo quadrado plantar insere-se na face lateral do tendão do flexor longo dos dedos, na metade proximal da planta do pé, próximo do local onde o tendão de divide.

O quadrado plantar auxilia o flexor longo dos dedos na flexão dos dedos do pé, e também pode ajustar a “linha de tração” deste tendão durante sua entrada na planta do pé, vindo da face medial. O músculo é inervado pelo nervo lantar lateral.

|Músculos |Origem |Inserção |Inervação |Função |

|Quadrado plantar |Superfície medial do |Face Lateral do tendão |Nervo plantar lateral do|Auxilia o tendão flexor longo|

| |calcâneo e processo |do flexor longo dos |nervo tibial |dos dedos na flexão dos dedos|

| |lateral da tuberosidade |dedos na região proximal| |II a V |

| |do calcâneo |da planta do pé | | |

|Lumbricais |Primeiro lumbrical – |Margens mediais livres |Primeiro lumbrical – |Flexão da articulação |

| |Face medial do tendão do|das aponeuroses |nervo plantar medial do |metatarsofalângicas e |

| |flexor longo dos dedos |extensoras dos dedos II |nervo tibial; segundo, |extensão das articulações |

| |associado ao segundo |a V. |terceiro e quarto |interfalângicas. |

| |dedo; segundo, terceiro | |lumbricais – nervo | |

| |e quarto lumbricais – | |plantar lateral do nervo| |

| |superfícies adjacentes | |tibial | |

| |dos tendões adjacentes | | | |

| |do flexor longo dos | | | |

| |dedos. | | | |

Lumbricais

Os músculos lumbricais são quatro músculos tipo-verme que se originam dos tendões do flexor longo dos dedos e passam dorsalmente para se inserirem nas margens mediais livres das aponeuroses extensoras dos quatro dedos laterais.

O primeiro lumbrical se origina na face medial do tendão do flexor longo dos dedos associados com o segundo dedo. Os três músculos restantes são peniformes e se originam nos lados dos tendões adjacentes.

Os músculos lumbricais atuam através das aponeuroses extensoras resistindo contra a extensão excessiva das articulações metatarsofalângicas e a flexão das articulações interfalângicas quando o calcanhar deixa o chão durante uma caminhada.

O primeiro lumbrical é inervado pelo nervo plantar medial. Enquanto os ouro três são inervados pelo nervo plantar lateral.

[pic]

Terceira camada

Existem três músculos na terceira camada da planta do pé.

▪ Dois (flexor curto do hálux e adutor do hálux) estão associados ao hálux;

▪ O terceiro (flexor curto do dedo mínino) está associado ao dedo mínimo.

Flexor curto do hálux

O músculo flexor curto do hálux possui duas camadas tendinosas de origem

▪ A cabeça lateral origina-se nas superfícies plantares do cubóide, atrás do sulco para o fíbular longo, e superfície adjacente do cineiforme lateral.

▪ A cabeça medial origina-se do tendão do músculo tibial posterior durante sua passagem para a planta do pé.

As cabeças medial e lateral se unem para dar origem a um ventre muscular, que se separa em partes medial e lateral adjacente à superfície plantar do matatarsal I. Cada parte do músculo dá origem a um tendão que se insere na face lateral ou medial da base da falange proximal do primeiro dedo.

Existe um osso sesamóide em cada tendão do flexor curto do hálux quando este cruza a superfície plantar da cabeça do metatarsal I. O tendão do flexor longo do hálux passa entre os ossos sesamóide.

O flexor curto do hálux flexiona a articulação metatarsofalângica do hálux, sendo inervado pelo nervo plantar medial.

Adutor do hálux

O músculo adutor do hálux origina-se através de duas cabeças muscular, transversa e oblíqua, que se unem próximo às suas extremidades para se inserir na face lateral da base da falange proximal do hálux.

▪ A cabeça transversa origina-se nos ligamentos plantares associados às articulações metatarsofalângicas dos três dedos laterais e dos ligamentos metatarsais transversos profundos associados – o músculo cruza a planta do pé transversalmente da face lateral para a medial e une-se com a cabeça oblíqua, próximo à base do primeiro dedo;

▪ A cabeça oblíqua é maior do que a cabeça transversal e origina-se nas superfícies plantares das bases dos metatarsais II a IV e da bainha que cobre o músculo fíbular longo – esta cabeça passa ântero-lateralmente através da planta do pé e une-se com a transversa.

|Músculo |Origem |Inserção |Inervação |Função |

|Flexor curto do hálux |Superfície plantar do cuboide e |Faces medial e |Nervo plantar lateral do|Flexiona a articulação |

| |cuneiforme lateral; tendão do |lateral da base da |nervo tibial [S1, S2] |metatarsofalângica do hálux; |

| |tibial posterior. |falange proximal do | |Aduz o hálux na articulação |

| | |hálux | |metatarsofalângica. |

|Adutor do hálux |Cabeça transversa – ligamentos |Face lateral da base|Nervo plantar lateral do|Aduz o hálux na articulação |

| |associados às articulações |da falange proximal |nervo tibial [S2, S3]. |metatarsofalângica. |

| |metatarsofalângicas dos três |do hálux. | | |

| |dedos laterais; cabeça oblíqua – | | | |

| |base dos metatarsais II a IV e da| | | |

| |bainha que cobre o fíbular longo.| | | |

|Flexor curto do dedo mínimo |Base do metatarsal V e bainha |Face lateral da base|Nervo Plantar lateral do|Flexiona o dedo mínimo na |

| |correlata do tendão do fíbular |da falange proximal |nervo tibial |articulação metatarsofalângica |

| |longo |do dedo mínimo | | |

Flexor curto do dedo mínimo

O músculo flexor curto do dedo mínimo origina-se na superfície da base do metatarsal V e na bainha adjacente do tendão do fíbular longo. Ele se insere na face lateral da base da falange proximal do dedo mínimo.

O flexor curto do dedo mínimo flexiona o quinto dedo na articulação metatarsofalângica e é inervado pelo nervo plantar lateral.

Quarta camada

Existem dois grupos musculares na camada muscular mais profunda na planta do pé, os interósseos dorsais e plantares.

[pic]

|Músculo |Origem |Inserção |Inervação |Função |

|Interósseos dorsais |Lados dos |Expansões dorsais e |Nervo plantar lateral do nervo |Abdução dos dedos II a IV nas |

| |metatarsais |bases das falanges |tibial; primeiro e segundo |articulações metatarsofalângicas; |

| |adjacentes. |proximais dos dedos II|interósseos dorsais também são |resiste contra a extensão das |

| | |a IV. |inervados pelo nervo fibilar |articulações metatarsofalângicas e |

| | | |profundo [S2, S3]. |flexão das articulações |

| | | | |interfalângicas. |

|Interósseos plantares |Faces mediais dos |Expansões dorsais e |Nervo plantar lateral do nervo |Adução dos dedos III a V nas |

| |metatarsais dos |bases das falanges |tibial [S2, S3]. |articulações metatarsofalângicas; |

| |dedos III a V. |proximais dos dedos | |resiste contra a extensão das |

| | |III a V. | |articulações metatarsofalângicas e |

| | | | |flexão das articulações |

| | | | |interfalângicas. |

Interósseos dorsais

Os quatro interósseos dorsais são músculos mais superiores na planta do pé e abduzem do segundo ao quarto dedo em relação ao maior eixo do segundo dedo. Todos os quatro músculos são peniformes e originam-se nos lado dos metatarsais adjacentes.

Os tendões dos interósseos dorsais inserem-se na margem livre das expansões dorsais e base das falanges proximais dos dedos.

O segundo dedo pode ser abduzido para qualquer um dos lados de seu maior eixo por ter dois interósseos dorsais associados, um de cada lado. Os terceiros e quarto dedos possuem um músculo interósseo dorsal em suas faces laterais somente. O hálux e o quinto dedo possuem seus próprios abdutores (abdutor do hálux e abdutor do dedo mínimo) na primeira camada de músculos na planta do pé.

Além da abdução, os interósseos dorsais atuam através de expansões dorsais resistindo contra a extensão das articulações metatarsofalângicas e a flexão das articulações interfalângicas.

Os interósseos dorsais são inervados pelo nervo plantar lateral. O primeiro e segundo interósseos também recebem ramos de suas próprias superfícies superiores do nervo fíbular profundo.

Interósseos plantares

Os três interósseos plantares aduzem o terceiro, quarto e quinto dedos na direção do longo eixo que passa pelo segundo dedo.

Cada músculo interósseo plantar origina-se na face medial de seu metatarsal associado e insere-se na margem medial livre da expansão dorsal e base da falange proximal.

O hálux possui seu próprio adutor (adutor do hálux) na terceira camada de músculos na planta do pé e o segundo dedo é aduzido de volta a seu eixo longitudinal pela utilização de um de seus interósseos dorsais.

Além da adução, os interósseos plantares atuam por meio de expansões dorsais resistindo contra a extensão das articulações metatarsofalângicas e a flexão das articulações interfalângicas. Todos são inervados pelo nevo plantar lateral.

Conclusão

Obtemos informações e conhecimento através deste trabalho que exemplificou cada função dos músculos encontrados na região do pé.

Referencia

Livro: Gray’s Anatomia para Estudantes de Richard L. Drake, Wayne Volg e Adam W. M. Mitchell