Trabalho Completo Monikety_xavier@hotmail.com

Monikety_xavier@hotmail.com

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Outras

Enviado por: monicacxs 08 setembro 2013

Palavras: 1843 | Páginas: 8

Linguagem e Comunicação

Nós todos usamos a linguagem, a maior parte do tempo, para pedir ou transmitir informações. Esse uso, mesmo quando é utilitário, não deixa de ser legítimo. Precisamos nos comunicar. Sinto uma necessidade dupla: quero que o outro (o interlocutor) me entenda e quero também entendê-lo.

A linguagem, contudo, não se limita a informar, não se reduz à função de comunicar dados e fatos, conhecimentos constituídos. Há uma dimensão

constituinte na atividade humana. Os seres humanos estão constantemente modificando o mundo; eles inventam coisas novas, eles se inventam a si mesmos.

A linguagem deve dar conta não só das necessidades objetivas, mas também das necessidades subjetivas, que expressam nas palavras, nas imagens, nos sentimentos, nas sensações, nas emoções, nas instituições – em tudo o que os seres humanos precisam sentir diante do novo – a capacidade da humanidade de enriquecer sua linguagem. (...)

1° Leandro Konder afirma que a linguagem humana é utilizada com duas ``funções´´. Explique quais são elas.

R: Objetiva: informação

Subjetiva: comunicação

A de entender e de ser entendido.

• É possível afirmar que as explicações de Leandro Konder sobre essas funções exemplificam o fato de que ``é por meio da linguagem que o ser humano organiza e dá forma às suas experiências´´? Por quê?

R: Sim. Porque através da linguagem que o homem se expressam nas palavras, nas imagens, nos sentimentos, nas sensações, nas emoções, nas intuições.

2° Releia: [...] precisamos nos comunicar. Sinto uma necessidade dupla: quero que o outro (o interlocutor) me entenda e quero também entendê-lo´´. Nesse trecho, Leandro Konder faz referencia a um aspecto importante da atividade da linguagem. Explique.

R: A linguagem é de certa forma o meio de relações sociais, ou seja, permite ao homem conhecer o estado de espírito as emoções, os desejos e receios, que possa acontecer entre seres. Neste aspecto existe a necessidade de uma comunicação que permite tais expressões.

3° Considerando o que você estudou sobre linguagem, analise a última afirmação feita no texto. Na sua opinião, é possível afirmar que ``quem se exprime mal, em geral, está confuso tanto no plano do pensamento quanto no da sensibilidade´´?

R: Não nem sempre muitas vezes temos certeza do nosso pensamentos porém por não saber nos expressar, acabamos nos exprimindo mal e deixando uma comunicação confusa.

• As questões de 4 a 7 referem-se à propaganda abaixo.

4° O que está representado no lado esquerdo da imagem?

R: A planta de um imóvel.

5° Esse anúncio procura produzir um efeito de estranhamento no leitor. Explique como se dá esse efeito.

R: É que em vez de mostrar a fachada completa mostra somente a planta e não como seria a parte exterior mais sim a interior.

• Indique com que objetivo se procura produzir esse efeito.

R: Podendo mostrar aos leitores a separação e até mesmo a facilidade de espaçamento é um abrigo simples que com doações poderia continuar em execução.

6° O texto verbal apresentado abaixo da imagem é fundamental para fazer o leitor relacionar a imagem com o objetivo da peça publicitária. De que modo se estabelece a relação entre o texto verbal, a imagem e o objetivo do anúncio?

R: O apelo para os leitores a ajudarem a manter o abrigo em funcionamento que não haja mais idosos vagando pelas ruas.

7° O anúncio constrói um diálogo com certo interlocutor. Que elementos do texto marcam o diálogo?

R: `` é da sua ajuda´´

• Qual é o objetivo desse diálogo?

R: Mostrar aos leitores que a ajuda deles é que faz a diferença.

• Que pressuposto o anúncio faz sobre o interlocutor?

R: Que com a contribuição dos leitores poderia haver melhoria no tamanho nas divisões dando conforto e comodidade.

.

Linguagem e Comunicação

Nós todos usamos a linguagem, a maior parte do tempo, para pedir ou transmitir informações. Esse uso, mesmo quando é utilitário, não deixa de ser legítimo. Precisamos nos comunicar. Sinto uma necessidade dupla: quero que o outro (o interlocutor) me entenda e quero também entendê-lo.

A linguagem, contudo, não se limita a informar, não se reduz à função de comunicar dados e fatos, conhecimentos constituídos. Há uma dimensão

constituinte na atividade humana. Os seres humanos estão constantemente modificando o mundo; eles inventam coisas novas, eles se inventam a si mesmos.

A linguagem deve dar conta não só das necessidades objetivas, mas também das necessidades subjetivas, que expressam nas palavras, nas imagens, nos sentimentos, nas sensações, nas emoções, nas instituições – em tudo o que os seres humanos precisam sentir diante do novo – a capacidade da humanidade de enriquecer sua linguagem. (...)

1° Leandro Konder afirma que a linguagem humana é utilizada com duas ``funções´´. Explique quais são elas.

R: Objetiva: informação

Subjetiva: comunicação

A de entender e de ser entendido.

• É possível afirmar que as explicações de Leandro Konder sobre essas funções exemplificam o fato de que ``é por meio da linguagem que o ser humano organiza e dá forma às suas experiências´´? Por quê?

R: Sim. Porque através da linguagem que o homem se expressam nas palavras, nas imagens, nos sentimentos, nas sensações, nas emoções, nas intuições.

2° Releia: [...] precisamos nos comunicar. Sinto uma necessidade dupla: quero que o outro (o interlocutor) me entenda e quero também entendê-lo´´. Nesse trecho, Leandro Konder faz referencia a um aspecto importante da atividade da linguagem. Explique.

R: A linguagem é de certa forma o meio de relações sociais, ou seja, permite ao homem conhecer o estado de espírito as emoções, os desejos e receios, que possa acontecer entre seres. Neste aspecto existe a necessidade de uma comunicação que permite tais expressões.

3° Considerando o que você estudou sobre linguagem, analise a última afirmação feita no texto. Na sua opinião, é possível afirmar que ``quem se exprime mal, em geral, está confuso tanto no plano do pensamento quanto no da sensibilidade´´?

R: Não nem sempre muitas vezes temos certeza do nosso pensamentos porém por não saber nos expressar, acabamos nos exprimindo mal e deixando uma comunicação confusa.

• As questões de 4 a 7 referem-se à propaganda abaixo.

4° O que está representado no lado esquerdo da imagem?

R: A planta de um imóvel.

5° Esse anúncio procura produzir um efeito de estranhamento no leitor. Explique como se dá esse efeito.

R: É que em vez de mostrar a fachada completa mostra somente a planta e não como seria a parte exterior mais sim a interior.

• Indique com que objetivo se procura produzir esse efeito.

R: Podendo mostrar aos leitores a separação e até mesmo a facilidade de espaçamento é um abrigo simples que com doações poderia continuar em execução.

6° O texto verbal apresentado abaixo da imagem é fundamental para fazer o leitor relacionar a imagem com o objetivo da peça publicitária. De que modo se estabelece a relação entre o texto verbal, a imagem e o objetivo do anúncio?

R: O apelo para os leitores a ajudarem a manter o abrigo em funcionamento que não haja mais idosos vagando pelas ruas.

7° O anúncio constrói um diálogo com certo interlocutor. Que elementos do texto marcam o diálogo?

R: `` é da sua ajuda´´

• Qual é o objetivo desse diálogo?

R: Mostrar aos leitores que a ajuda deles é que faz a diferença.

• Que pressuposto o anúncio faz sobre o interlocutor?

R: Que com a contribuição dos leitores poderia haver melhoria no tamanho nas divisões dando conforto e comodidade.

.

Linguagem e Comunicação

Nós todos usamos a linguagem, a maior parte do tempo, para pedir ou transmitir informações. Esse uso, mesmo quando é utilitário, não deixa de ser legítimo. Precisamos nos comunicar. Sinto uma necessidade dupla: quero que o outro (o interlocutor) me entenda e quero também entendê-lo.

A linguagem, contudo, não se limita a informar, não se reduz à função de comunicar dados e fatos, conhecimentos constituídos. Há uma dimensão

constituinte na atividade humana. Os seres humanos estão constantemente modificando o mundo; eles inventam coisas novas, eles se inventam a si mesmos.

A linguagem deve dar conta não só das necessidades objetivas, mas também das necessidades subjetivas, que expressam nas palavras, nas imagens, nos sentimentos, nas sensações, nas emoções, nas instituições – em tudo o que os seres humanos precisam sentir diante do novo – a capacidade da humanidade de enriquecer sua linguagem. (...)

1° Leandro Konder afirma que a linguagem humana é utilizada com duas ``funções´´. Explique quais são elas.

R: Objetiva: informação

Subjetiva: comunicação

A de entender e de ser entendido.

• É possível afirmar que as explicações de Leandro Konder sobre essas funções exemplificam o fato de que ``é por meio da linguagem que o ser humano organiza e dá forma às suas experiências´´? Por quê?

R: Sim. Porque através da linguagem que o homem se expressam nas palavras, nas imagens, nos sentimentos, nas sensações, nas emoções, nas intuições.

2° Releia: [...] precisamos nos comunicar. Sinto uma necessidade dupla: quero que o outro (o interlocutor) me entenda e quero também entendê-lo´´. Nesse trecho, Leandro Konder faz referencia a um aspecto importante da atividade da linguagem. Explique.

R: A linguagem é de certa forma o meio de relações sociais, ou seja, permite ao homem conhecer o estado de espírito as emoções, os desejos e receios, que possa acontecer entre seres. Neste aspecto existe a necessidade de uma comunicação que permite tais expressões.

3° Considerando o que você estudou sobre linguagem, analise a última afirmação feita no texto. Na sua opinião, é possível afirmar que ``quem se exprime mal, em geral, está confuso tanto no plano do pensamento quanto no da sensibilidade´´?

R: Não nem sempre muitas vezes temos certeza do nosso pensamentos porém por não saber nos expressar, acabamos nos exprimindo mal e deixando uma comunicação confusa.

• As questões de 4 a 7 referem-se à propaganda abaixo.

4° O que está representado no lado esquerdo da imagem?

R: A planta de um imóvel.

5° Esse anúncio procura produzir um efeito de estranhamento no leitor. Explique como se dá esse efeito.

R: É que em vez de mostrar a fachada completa mostra somente a planta e não como seria a parte exterior mais sim a interior.

• Indique com que objetivo se procura produzir esse efeito.

R: Podendo mostrar aos leitores a separação e até mesmo a facilidade de espaçamento é um abrigo simples que com doações poderia continuar em execução.

6° O texto verbal apresentado abaixo da imagem é fundamental para fazer o leitor relacionar a imagem com o objetivo da peça publicitária. De que modo se estabelece a relação entre o texto verbal, a imagem e o objetivo do anúncio?

R: O apelo para os leitores a ajudarem a manter o abrigo em funcionamento que não haja mais idosos vagando pelas ruas.

7° O anúncio constrói um diálogo com certo interlocutor. Que elementos do texto marcam o diálogo?

R: `` é da sua ajuda´´

• Qual é o objetivo desse diálogo?

R: Mostrar aos leitores que a ajuda deles é que faz a diferença.

• Que pressuposto o anúncio faz sobre o interlocutor?

R: Que com a contribuição dos leitores poderia haver melhoria no tamanho nas divisões dando conforto e comodidade.

.