Trabalho Completo TRABALHADOR GANHA COM HORARIO FLEXÍVEL

TRABALHADOR GANHA COM HORARIO FLEXÍVEL

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Outras

Enviado por: vaguin23ap 09 maio 2013

Palavras: 2550 | Páginas: 11

QUESTÕES DE ECONOMIA E MODELOS DE GESTÃO

“A FLEXÍBILIZAÇÃO É MAIS VANTAJOSA PARA AQUELES QUE OCUPAM CARGOS DE ALTA QUALIFICAÇÃO. ESSE PROFISSIONAL TEM MAIS AUTONOMIA NA REALIZÃO DAS TAREFAS E POR ISSO SE ADEQUAM MELHOR AO HORÁRIO FLEXÍVEL”.

Pensando em atuarem como profissionais do alto escalão de determinada empresa, mais especificamente como consultores de RH,e como as empresas estão lidando economicamente com estes profissionais,respondam:

1)Quais as vantagens que a empresa teria se o contratassem com autonomia de horário(horário flexível)

R) As vantagens da adoção do horário flexível para a empresa vão desde o fato de não se preocupar com atrasos até a garantia de ter um funcionário sem problemas relacionados a stress, uma vez que substituir-se-ía o termo “obrigação” pelo termo “comprometimento”, dessa forma, os resultados tendem a serem mais positivos do que negativos o que proporcionaria o crescimento dessa empresa.

2)Quais as vantagens que você teria se fosse contratado com a autonomia de horário(Horário flexível)

R) Abordando a questão pessoal, por ser mulher, o fato de ter mais tempo para preparar o dia para minha família antes de sair do trabalho, realizando as tarefas com mais tranquilidade, seria de grande valia. Além disso, um horário flexível poderia proporcionar-me um considerável crescimento profissional através da busca por cursos de aperfeiçoamento que venham a ocorrer em horários que concorrem com o horário de trabalho, podendo num futuro próximo, gerar melhores resultados para a empresa e participar do crescimento da mesma, buscando a valorização e promoção dentro da mesma.

3) Agora faça um breve relatório sobre a nova era em que vivemos (era pós- industrial,era da informação ou sociedade do conhecimento),abordando sobre o ambiente das organização frente esta nova realidade retratada pelo texto acima.

R) Podemos observar no decorrer do dia a dia que cada vez mais as máquinas e computadores vêm sendo utilizados nas empresas, mesmo as de pequeno porte ou micro empresas, lojas, padarias, etc. Vemos a cada dia mais, o comércio virtual se expandir, eliminando a necessidade de vendedores, supervisores e departamento de recursos humanos, reduzindo os encargos salariais. O mercado financeiro, as bolsas de valores, não contam mais com a “confusão” dos pregões, onde os corretores de ações se reuniam, se revezando entre gritos e telefonemas. Passaram a sentar-se na frente de uma tela de um computador e ali definem com tranquilidade o que outrora era feito em meio a um caos organizado. Com base nisso cabe ao homem, a busca por aperfeiçoamento no que se refere a desenvolver ou aprimorar o conhecimento com relação a esses recursos, para que não seja pego de surpresa em uma entrevista de emprego. Cabe também ao trabalhador aderir à essa modernidade sem preconceitos, entendendo que são recursos desenvolvidos para facilitar o trabalho e não dificuldades implantadas para removê-lo do seu emprego. A redução do tempo para a transmissão de informações dinamizou o mercado. Essa dinamização deve ser assimilada por profissionais de todas as áreas de modo a não “ficarem para trás”, tornando-se aí sim, obsoletos e substituíveis, deve-se “seguir com a maré”, buscando cada vez mais crescimento profissional, de modo a contribuir para o crescimento econômico da empresa e com isso garantir seu espaço no mercado de trabalho, criando oportunidades de uma evolução profissional também.

2.2 QUESTÕES DE RELAÇÕES INTERPESSOAIS

Flavio Balestrin,diretor de relações humanas da totvs s.a,afirma no texto que :

“Temos hoje lideranças e equipes mais maduras que sabem seus limites e se auto gerenciam. Notou-se o aumento da responsabilidade.”

1)Cite e explique os elementos do processo de grupo.

R) Papel: para cada membro do grupo, as funções e propósitos são diferentes, todavia com definição e interdependência claramente determinadas;

Normas: São as regras de comportamento institucionalizadas (aceitas e propagadas) pelo grupo;

Status: Uma posição social definida ou atribuída pelas pessoas a uma parte ou um membro do um grupo;

Coesão: Soma de forças que mantêm o grupo unido e motivado para favorecendo a permanência do membro no grupo.

2)Qual a diferença entre grupo formal e informais?

R) GRUPOS FORMAIS

É a estrutura mais utilizada, presente na maioria das empresas estrutura essa bem planejada, e bem representada. Todavia, a definição de suas atribuições exige critérios apurados, pois uma estrutura formal pode alcançar enormes proporções.

Para que uma empresa alcance os objetivos estabelecidos é importante estabelecer uma estrutura firme, na qual alguns fatores devem ser considerados como: os componentes, condicionantes e os vários níveis de influência agregados a eles.

Os fatores que determinam uma estrutura formal empresarial são:

- Realizar atividades focando-se nesses objetivos;

- Distribuição de funções administrativas específicas a cada funcionário;

- Considerar as habilidades e limitações tecnológicas de cada um;

- Tamanho da Empresa.

Para o bom funcionamento de um grupo formal são importantes os seguintes componentes:

- A divisão em departamentos, baseados na espacialização de modo a distribuir as responsabilidades de maneira correta.

- Padrão de hierarquia ou uma distribuição de poderes;

- Interação entre as unidades da empresa através de um sistema de comunicação;

- Dentro da hierarquia, constituir também um sistema que permita certa autonomia para os líderes tomarem certas decisões quando necessárias.

Esses componentes podem ser determinados por um simples organograma. No caso de uma pequena empresa, pode ser: Presidência; Diretoria Administrativa; Diretoria Financeira e seus respectivos subordinados.

GRUPOS INFORMAIS

Esta estrutura é estabelecida através da interação entre as pessoas e desenvolve-se de forma espontânea, porém com o risco da instabilidade, onde certos interesses ou sentimentos pessoais podem interferir, uma vez que não existe uma direção certa, ou regras pré-determinadas.

As lideranças nestes grupos surgem por diferentes motivos dentre eles: Idade, competência, localização no trabalho, conhecimento, personalidade, comunicação, entre outras. Os líderes determinados em grupos informais podem se tornarem líderes em empresas com estrutura formal, todavia estes podem não se adaptar aos padrões formais de hierarquia e responsabilidade.

Uma estrutura informal pode ainda não ser favorável no caso de associá-la a uma empresa formal, porém se houver harmonia entre os integrantes dos dois grupos para a realização das tarefas essa associação pode gerar bons resultados para a produção.

São vantagens de uma estrutura informal, a rapidez no processo, a não/ ou pouca necessidade de comunicação entre chefe e empregado, a motivação e integração dos grupos de trabalho.

Em contrapartida existem desvantagens como um conflito de hierarquia pelo desconhecimento de chefia, problemas com controle da equipe gerados por atrito entre pessoas.

Mesmo assim, essas desvantagens podem não ocorrer nessa estrutura se a administração buscar a conciliação de seus integrantes poderá obter bons resultados.

3)Explique como as equipes se desenvolvem.

R) O processo de desenvolvimento de uma equipe é contínuo onde a formação da mesma pode ocorrer com pessoas que nem se conhecem ou nunca trabalharam juntas, desde que seus integrantes tenham o foco na qualidade do desempenho do grupo.

4) Qual a diferença entre grupo e equipe?

R) GRUPO: dois ou mais indivíduos que se juntam, interagindo com interdependência, visando atingir um objetivo compartilhando informações e tomando decisões de modo a favorecer cada membro na realização de sua tarefa.

EQUIPE: dois ou mais indivíduos que se reúnem em um trabalho coletivo que requer um esforço conjunto para alcançar o objetivo.

EQUIPES GRUPOS

Esforço coletivo para atingir um objetivo Esforço individual para atingir o objetivo

Compartilhada diante dos resultados globais Responsabilidade por obter resultados individuais

Objetivos compartilhados Objetivos individuais

Unidades de trabalho semi-autônomas Unidades de trabalho dependentes

2.3 QUESTOES TECNOLOGIA E DESEMVOLVIMENTO HUMANO

• Podemos dizer que atualmente vivemos na “Sociedade da Informação”

De uma forma geral quais as principais características da “Sociedade da Informação”?

A informação é um recurso econômico. Cada vez mais as empresas recorrem à informação para aumentar sua eficácia, sua competitividade, para estimular a inovação e obter melhores resultados. Há também uma tendência pelo desenvolvimento cada vez maior de empresas com atividade intensiva na produção de informação. As pessoas fazem uso cada vez mais intensivo da informação. Consumidores, cidadãos e o público em geral necessitam e exigem cada vez mais informação para tomar suas decisões de consumo, para reivindicar seus direitos, usar serviços públicos ou mesmo para controlar suas próprias vidas. Observe um rótulo de um produto alimentício e verá quanta informação necessita vir junto ao produto propriamente dito.

Demanda cada vez maior de meios e serviços de informação para atender as necessidades das organizações e dos indivíduos.

Para atender as necessidades de informação torna-se necessário a implantação de infraestrutura tecnológica e também de serviços de entrega de informações. A internet, por exemplo, é uma via de distribuição de informações e serviços relacionados que necessita de uma sofisticada infraestrutura para seu funcionamento.

• No texto podemos observar que através do “Flexiplace o funcionário trabalha

Três dias na IBM e dois em casa”. Em sua opinião você acredita que a sociedade da informação incentiva e facilita a questão das empresas permitem o funcionário trabalhar em casa? Por quê?

• “Cite e comente a definição de Tecnologia da Informação”.

R: Tecnologia da Informação (TI) É a área de conhecimento responsável por criar, administrar e manter a gestão da informação através de dispositivos e equipamentos para acesso, operação e armazenamento dos dados, de forma a gerar informações para tomada de decisão. A TI é uma grande força em áreas como finanças, planejamento de transportes, design, produção de bens, assim como na imprensa, nas atividades editoriais, na produção musical e cinematográfica, no rádio e na televisão. O desenvolvimento cada vez mais rápido de novas tecnologias de informação modificou as bibliotecas e os centros de documentação (principais locais de armazenamento de informação), introduzindo novas formas de organização e acesso aos dados e obras armazenadas; reduziu custos e acelerou a produção dos jornais e possibilitou a formação instantânea de redes televisivas de âmbito mundial. [carece de fontes]

Além disso, tal desenvolvimento facilitou e intensificou a comunicação pessoal e institucional, através de programas de processamento de texto, de formação de bancos de dados, de editoração eletrônica, bem como de tecnologias que permitem a transmissão de documentos, envio de mensagens e arquivos, assim como consultas a computadores remotos (via rede mundiais de computadores, como a Internet). A difusão das novas tecnologias de informação trouxe também impasse e problemas, relativos principalmente à privacidade dos indivíduos e ao seu direito à informação, pois os cidadãos geralmente não têm acesso a grande quantidade de informação sobre eles, coletadas por instituições particulares ou públicas.[carece de fontes]

As tecnologias da informação não incluem somente componentes de máquina. Existem tecnologias intelectuais usadas para lidar com o ciclo da informação, como técnicas de classificação, por exemplo, que não requerem uso de máquinas apenas em um esquema. Esse esquema pode, também, ser incluído em um software que será usado, mas isso não elimina o fato de que a técnica já existia independentemente do software. As tecnologias de classificação e organização de informações existem desde que as bibliotecas começaram a ser formadas. Qualquer livro sobre organização de bibliotecas traz essas tecnologias.[carece de fontes]

Os maiores desenvolvedores mundiais desse tipo de tecnologia são Suécia, Singapura, Dinamarca, Suíça e Estados Unidos, segundo o Relatório Global de Tecnologia da Informação 2009-2010 do Fórum Econômico Mundial. O Brasil é o 61º nesse ranking[1].

• Você acredita que a tecnologia da informação incentiva e facilita a questão das empresas permitirem o funcionário trabalhar em casa? Comente.

3 CONCLUSÃO

Com base nas disciplinas do semestre, primeiramente com relação á teorias da administração, podemos considerar que praticamente tudo de que necessitamos é dependente de algum tipo de organização. As organizações existem para atender necessidades e é imprescindível que elas façam isso da melhor maneira possível. Assim, é necessário que os recursos existentes na organização ou provenientes dela sejam bem administrados.

Referente á relações interpessoais, a comunicação ocorre a todo o momento, diretamente entre as pessoas ou através de equipamentos. Dificilmente nossa comunicação seria eficaz sem a tal tecnologia. É impossível considerar a ética, a operacionalização da tecnologia e seu benefício e, para isso, precisamos repensar o valor do capital humano nas organizações, a importância da comunicação e do trabalho em equipe, aprender a lidar com situações de conflito e entender como funciona o comportamento dos grupos no âmbito empresarial.

Com relação á tecnologia e desenvolvimento humano, o mundo e a sociedade como um todo estão inseridos em um contexto tecnológico. A tecnologia é o pano de fundo, o próprio quadro referencial onde todos os outros fenômenos sociais ocorrem. Na sociedade tecnológica onde vivemos, a informação e o conhecimento são as novas armas no mercado, apenas as organizações com capacidade de produzir e disseminar a informação de qualidade conseguirá sustentar vantagens competitivas. É necessário ter uma postura crítica e reflexiva frente os avanços da tecnologia, pois freá-la é impossível.

Com base em análise econômica e social, o estudo da economia tem por objetivo formular propostas a fim de resolver ou minimizar os problemas econômicos, atendendo assim, as necessidades humanas e promovendo o bem estar de cada um.

REFERëNCIAS

Revista veja on-line de São paulo . Edição 81. Editora Abril S.A., 2000.