Trabalho Completo Trabalho, Consumo E Sociedade

Trabalho, Consumo E Sociedade

Imprimir Trabalho!
Cadastre-se - Buscar 155 000+ Trabalhos e Monografias

Categoria: Ciências Sociais

Enviado por: Angelacs 19 abril 2013

Palavras: 756 | Páginas: 4

ATPS Ciências Sociais

Etapa 2

Trabalho, consumo e sociedade.

O trabalho sempre existiu baseando nos primórdios da humanidade, a qual se tem que trabalhar para comer, trabalhar para viver. O avanço da vida com as questões da evolução o trabalho começou a se sair do controle, pois ao invés de trabalhar para viver o trabalho estava relacionado a acumulo tanto de fortuna quando a de consumo, ou seja, quanto mais trabalhar, mais dinheiro logo consumindo em grande quantidade.

O consumo existe desde os primórdios da humanidade. Porém, na atual conjuntura de sociedade em que vivemos, temos a presença de uma roda viva praticamente incontrolável: o homem trabalha para consumir; Trabalhando mais, produzirá mais; Produzindo mais, haverá mais oferta; Então, este é incitado a consumir, através da publicidade. E para consumir, deve trabalhar... Transforma-se, então, o homem num alienado dentro da esfera de trabalho e consumo.

Essa mistura trabalho, consumo e sociedade foi umas das causas a qual mexeu com todo o planeta levando as grandes guerras e desastres naturais tudo isso mas a obsessão do ser humano levar ao caos e desordem pelo resto do futuro Capitalista.

Interações Sociais existentes no cotidiano da Sociedade Atual.

Podemos definir INTERAÇÃO SOCIAL como sendo : a ação recíproca de idéias, atos ou sentimentos entre pessoas, entre grupos e ou entre pessoas e grupos. A Interação implica modificação do comportamento das pessoas ou grupos que dela participam. Para que a interação social se processe é necessário que haja contato social entre os indivíduos .O estudo dos grupos sociais é um dos principais campos da Sociologia. Abaixo segue algumas Interações Sociais existentes na Sociedade Atual.

Família - O primeiro grupo social com quem se tem contato é a família e depois delas outros passam a fazer parte da vida do indivíduo, transformando-o, cada vez mais, em um ser social A família representa um grupo social primário que influencia e é influenciado por outras pessoas e instituições, um conjunto invisível de exigências funcionais que organiza a interação dos membros da mesma, considerando-a, igualmente, como um sistema, que opera através de padrões transacionais.

Escola - A escola exerce um papel importante na consolidação do processo de socialização, processo este que ocorre já no início da vida da criança. A Escola será determinante para o desenvolvimento cognitivo e social infantil e portanto para o curso posterior da sua vida. É na escola que se constrói parte da identidade de ser e pertencer ao mundo.

Religião - É um conjunto de sistemas culturais e de crenças, além de visões de mundo, que estabelece os símbolos que relacionam a humanidade com a espiritualidade e seu próprios valores morais. O referido atributo de fenômeno social atribuído à religião perpetua-se através das cerimônias habituais, que decorrem predominantemente em locais de culto indicados para tal: igrejas, templos ou santuários.

Comunidade – É um conjunto de pessoas que se organizam sob o mesmo conjunto de normas, geralmente vivem no mesmo local, sob o mesmo governo ou compartilham do mesmo legado cultural e histórico.

Sociedade - É o conjunto de pessoas que compartilham propósitos, gostos, preocupações e costumes, e que interagem entre si constituindo uma comunidade. Uma sociedade é uma rede de relacionamentos entre pessoas. Uma sociedade é uma comunidade interdependente. O significado geral de sociedade refere-se simplesmente a um grupo de pessoas vivendo juntas numa comunidade organizada.

Cooperação - Consiste sempre numa ação comum para realizar determinado fim. Ou dito de outro modo, é uma forma de interação, em que diferentes indivíduos ou grupos trabalham juntos para um fim comum. Exemplos: Um mutirão para limpeza de um terreno,o recolhimento de víveres para populações pobres.

Competição - É um processo social que ocorre com os indivíduos ou grupos sociais, e que consiste na disputa consciente ou inconsciente por bens e vantagens sociais limitadas em número e oportunidades. Exemplos: O vestibular para entrar numa faculdade, os campeonatos de futebol.

Conflito – O conflito surge quando há a necessidade de escolha entre situações que podem ser consideradas incompatíveis. Trata-se de um fenômeno subjetivo, muitas vezes inconsciente ou de difícil percepção. As situações de conflito podem ser resultado da concorrência de respostas incompatíveis, ou informações desencontradas. Processo social no qual pessoas ou grupos procuram recompensas pela eliminação ou enfraquecimento dos competidores.

Dominação – Processo social que remete à possibilidade de se encontrar obediência a determinada ordem, independente da reação dos indivíduos que a recebem. A dominação é o efetivo exercício do poder, sendo constituída por relações de subordinação entre indivíduos ou grupos.

Bibliografia:

http://pt.wikipedia.org

Livro : Sociologia Geral - Reinaldo Dias - Capítulo 4

www.psicologia.pt/artigos/textos/A0351.pdf - em 10/11/2012

http://sociologiareligiao.blogspot.com.br/ em 10/11/2012